Projeto mantido por:

  Redação E-Commerce Brasil

Alibaba.com passa a vender vinhos, azeites e embutidos portugueses

Quinta-feira, 28 de outubro de 2021   Tempo de leitura: 2 minutos

A partir de agora, o marketplace Alibaba.com passará a vender produtos agroalimentares portugueses. “A gigante do comércio eletrônico terá uma vitrine de produtos portugueses”, conforme informou a Agência para Investimento e Comércio Externo de Portugal (AICEP).

Na plataforma serão comercializados produtos de diversas empresas portuguesas do setor agroalimentar, em um mesmo agregador, que será gerenciado pela AICEP e o site de comércio eletrônico chinês.

Na lista de variedades estão vinhos, compotas, fruta fresca e congeladas, temperos, cervejas, café, confeitaria, peixes congelados, embutidos e conservas gourmet, molhos, azeites e vinagres.

Para as empresas que venderão no marketplace, esta é uma oportunidade para se tornarem conhecidas e comercializarem seus produtos com menos encargos financeiros e garantia de uma gestão profissional online, avalia a AICEP. 

O projeto também envolve a AMVOS Digital, consultora de marketing, que pretende ajudar as empresas portuguesas que querem vender online a firmarem-se em um mercado que, só no segmento de comida e bebidas, deve crescer 8% ao ano até 2024.

A AICEP lembra que “o setor agroalimentar irá enfrentar grandes desafios nas próximas décadas, num contexto de rápida mudança das tendências e escolhas dos consumidores”. Portanto, o comércio online pode ser a via para chegar a novos mercados, aumentar margens, rentabilidade e desenvolver uma oferta própria diferenciadora, alinhada com as tendências do mercado.

O Alibaba.com é a maior plataforma de comércio eletrónico a nível global. Está disponível em mais de 190 países e lista e vende produtos em mais de 40 categorias.

Fonte: Sapo.pt

Leia também: Spotify vai permitir a venda de produtos de artistas no app

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

CADASTRE-SE EM NOSSA NEWSLETTER