Acesso rápido
  Redação E-Commerce Brasil

“Afromentoring” auxilia e prepara mulheres negras para empreendedorismo no Brasil

Quarta-feira, 10 de outubro de 2018   Tempo de leitura: 2 minutos

Segundo o Instituto Locomotiva, os empreendedores negros movimentam cerca de R$ 219,3 bilhões no país. Buscando ultrapassar as barreiras sociais, econômicas e estruturais que impedem a mulher negra de crescer nesse contexto, a Rede Brasil Afroempreendedor (Reafro) e o grupo Mulheres do Brasil uniram-se para dar vida ao projeto “Afromentoring”. 

O objetivo é potencializar não apenas a força da mulher negra como empreendedora, mas auxiliar a desenvolver a base da pirâmide de negócios a partir de um processo de mentoria focado no crescimento pessoal e profissional.

O programa oferecerá mentoria às mulheres negras em diversas áreas: Gestão e Finanças, Marketing, RH, Jurídico, Vendas, Tecnologia e Precificação. A metodologia contará com encontros presenciais entre as mentoras e as mentoradas, sessões de desenvolvimento pessoal e de negócios e ainda a Black Night, uma noite dedicada a pitch de negócios e celebração.

Durante a mentoria cerca de 26 afronegócios serão diretamente impactados. A ideia é de que essa seja uma ferramenta para que as empresárias conheçam melhor os desafios das suas empresas, buscando ajudar a alcançar objetivos, solucionar problemas e aprimorar negócios.

Os dados econômicos comprovam a importância de se investir na preparação das mulheres negras para que se tornem pessoas de maior sucesso e serem lideranças empresariais no país. A pesquisa “Os Donos de Negócios no Brasil: Análise por Raça/Cor (2003/2013), desenvolvida em 2015 pelo Sebrae, identificou que entre 2003 e 2013 o perfil de donos de negócios no país era de maioria declarada negra ou parda, sendo quase 12 milhões de pessoas. Contudo, apenas 31% do total de donos de negócios eram do gênero feminino.

Além de quebrar as barreiras do preconceito e do racismo, o programa quer estimular que as empreendedoras sigam buscando soluções e crescendo nos seus negócios. Elas serão acompanhadas por mentoras que possuem experiências em suas áreas e estão dispostas a contribuírem como facilitadoras do crescimento das mentoradas no mercado.

Segundo Mariana Ferreira dos Santos, Criadora e Co-coordenadora do Projeto, a importância do movimento precisa ser reforçada. “Ele movimenta a base da pirâmide socioeconômica brasileira através da aceleração de negócios de mulheres negras tendo como resultado uma maior equidade social no Brasil”, destaca ela.

Reafro

A Rede Brasil Afroempreendedor foi criada em 2015 para estabelecer relações de fortalecimento entre afro empreendedores de diferentes áreas de atuação no país inteiro, nos mercados interno e externo. A rede busca o fortalecimento de negócios e iniciativas através de parcerias com órgãos públicos e privados para melhor desempenho de cada área de atuação.

Mulheres do Brasil

Criado em 2013, o grupo Mulheres do Brasil é um grupo de mulheres com o objetivo de discutir temas ligados ao Brasil. É composto por mulheres de vários segmentos que têm em comum o propósito de serem protagonistas na construção de um país melhor.

Deixe seu comentário

0 comentário

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.