Acesso rápido
  Redação E-Commerce Brasil

85% dos brasileiros com smartphone compram online, informa Mobile Time e Opinion Box

Sexta-feira, 11 de outubro de 2019   Tempo de leitura: 10 minutos

O Panorama do Comércio Móvel no Brasil mostra que 85% dos brasileiros que possuem um smartphone compram online. Além disso, cresce a preferência pelo mobile e os aplicativos disputam cada vez mais a preferência do usuário.

O levantamento é realizado pelo Mobile Time em parceria com a Opinion Box. Trata-se de um panorama que busca estudar os padrões de consumo no comércio eletrônico através dos dispositivos móveis. Para Christian Reed, CEO da Opinion Box, o propósito da pesquisa “é ajudar as empresas a tomarem decisões mais inteligentes”.

Durante a divulgação do panorama, o executivo explicou, ao lado de Fernando Paiva, editor do Mobile Time e coordenador da pesquisa, como a cada edição surge a necessidade de incluir novas variáveis para acompanhar as mudanças de comportamento do consumidor. O panorama já é realizado há 5 anos e está em sua 10ª edição.

As novas variáveis se tornam necessárias porque o padrão de consumo muda radicalmente a cada nova tecnologia. “A transformação digital tem como base a tecnologia, mas ela é, acima de tudo, uma transformação humana”, explica Reed.

Atualmente, a população brasileira com acesso a um smartphone é de 60% do total, representando 90% do potencial de compra do país. A partir dessa informação, é possível traçar uma relação entre os aplicativos mais usados e preferidos pelo usuário em cada categoria de destaque.

Crescimento do m-commerce: recorrência

De acordo com o levantamento, 85% dos consumidores com smartphone já realizaram compras por ele. Nos últimos 4 anos, o crescimento de usuários que já realizaram alguma compra pelo celular aumentou exponencialmente. Em 2015, somente 41% da população já tinha comprado.

Fonte: Panorama Mobile Time/Opinion Box – Comércio móvel no Brasil – setembro de 2019.

Acompanhando o aumento das compras, faz-se relevante a recorrência no mobile. Atualmente, 77% dos consumidores móveis afirmaram comprar mais hoje do que há seis meses. Ademais, 75% respondeu ter realizado compras pelo smatphone nos últimos 30 dias.

Fonte: Panorama Mobile Time/Opinion Box – Comércio móvel no Brasil – setembro de 2019.

O que o consumidor vê no m-commerce?

Do total de consumidores que compram pelo smatphone, 73% responderam que preferem realizar a compra pelo mobile. Relacionado a isso, 88% afirmam estarem satisfeitos ou muito satisfeitos com a experiência de compra pelo celular.

Fonte: Panorama Mobile Time/Opinion Box – Comércio móvel no Brasil – setembro de 2019.

Entre as principais funcionalidades oferecidas, a que os usuários mais gostam é a de retirar o produto comprado online na loja física. Navegação gratuita, recomendações personalizadas e checkout facilitado também estão em destaque.

Fonte: Panorama Mobile Time/Opinion Box – Comércio móvel no Brasil – setembro de 2019.

Pagamento

O meio preferido de pagamento para compras mobile no Brasil continua o cartão de crédito, com 65% dos usuários. O boleto bancário é o segundo meio mais votado, preferido por 25% dos consumidores.

Fonte: Panorama Mobile Time/Opinion Box – Comércio móvel no Brasil – setembro de 2019.

O boleto é importante no e-commerce pois atende à uma parcela significativa da população que não tem acesso a crédito.

E os que não compram?

15% dos usuários de smatphone ainda não compram online. A maior parte deles não se sente confortável: a pesquisa mostra que 33% dos usuários não confiam no smartphone. Além disso, 27% não compram por não poder experimentar o produto e 23% não acham a compra pelo dispositivo prática.

Fonte: Panorama Mobile Time/Opinion Box – Comércio móvel no Brasil – setembro de 2019.

A pesquisa mostra ainda que a maior parte dos consumidores que não compra online está na faixa etária acima dos 50 anos.

Aplicativos mais usados pelo mobile

Os 4 primeiros colocados na preferência dos consumidores móveis continuam os mesmos da última edição da pesquisa, respectivamente: Mercado Livre, Americanas.com, iFood e Magazine Luiza. Enquanto isso, as roupas ainda são os produtos mais procurados pelos consumidores.

Fonte: Panorama Mobile Time/Opinion Box – Comércio móvel no Brasil – setembro de 2019.

Fonte: Panorama Mobile Time/Opinion Box – Comércio móvel no Brasil – setembro de 2019.

Em ascensão

O destaque, no entanto, é dos aplicativos que apareceram pela primeira vez na lista: Amazon, Uber Eats e Rappi. A ascensão da Amazon pode ser explicada pela expansão da marca no país e pelos benefícios do serviço Prime.

Já o Uber Eats ganhou destaque desde a última edição da pesquisa e vem ganhando espaço com relação ao concorrente iFood.

A Rappi subiu para o patamar de unicórnio ao receber um grande aporte do Softbank em maio. Além disso, o super app vem conquistando o gosto dos consumidores com promoções e benefícios de cashback.

O declínio do Aliexpress

O aplicativo Aliexpress no ranking, lembrado como preferido por 10% dos consumidores na última edição, foi mencionado por apenas 6% na atual.

A metodologia da pesquisa, solicita que o usuário se lembre dos 3 aplicativos que mais usou e os escreva na resposta. Dessa maneira, revela não só os aplicativos mais comprados, mas também os que estão na ponta da língua dos consumidores.

Uber x 99

Com relação à pesquisa do ano passado, o panorama deste ano aponta que houve aumento de 9% na quantidade de usuários de smartphone que solicitaram um carro particular ou táxi por aplicativo. Em 2018, 66% dos brasileiros já tinham pedido e em 2019 esse número saltou para 75%.

Os dois principais aplicativos preferidos continuam o Uber e a 99. Embora a distância ainda seja grande, a preferência pelo Uber caiu de 86% em 2018 para 73% este ano. Já com relação à 99, saltou de 6% para 22%.

Fonte: Panorama Mobile Time/Opinion Box – Comércio móvel no Brasil – setembro de 2019.

Uber Eats e iFood

O iFood continua sendo o principal aplicativo de delivery de alimentos no Brasil. Desde a primeira edição da pesquisa, em 2015, ele aparece como o preferido nessa categoria pelos consumidores. Atualmente, 71% dos brasileiros o veem como melhor aplicativo para pedir comida.

Fonte: Panorama Mobile Time/Opinion Box – Comércio móvel no Brasil – setembro de 2019.

Encurta, no entanto, a diferença com o concorrente Uber Eats, que apareceu pela primeira vez na pesquisa como um dos preferidos pelos consumidores. Atualmente, 8% dos consumidores o consideram o melhor aplicativo para delivery de alimentos.

Fonte: Panorama Mobile Time/Opinion Box – Comércio móvel no Brasil – setembro de 2019.

Aplicativos de delivery de alimentos menores

O panorama mostra que cada vez mais os brasileiros pedem comida por aplicativos. Em 2015, apenas 26% dos consumidores móveis utilizavam esse serviço. Em contrapartida, em 2019, 62% dos usuários responderam que compram por esses aplicativos. Esse aumento está cada vez mais focado nos mais populares.

A ascensão e preferência dos líderes iFood e Uber Eats fez com que o consumidor móvel deixasse de lado outros aplicativos do gênero. De acordo com a pesquisa, aplicativos de menor expressão estão perdendo a preferência do consumidor.

Compra de ingressos não avança

O principal aplicativo de compra de ingressos continua sendo o Ingresso.com. A categoria está estagnada com relação à pesquisa do ano passado, com 29% dos usuários já tendo comprado ingressos pelo celular, depois de um período de crescimento nos anos anteriores.

A pesquisa mostra ainda que houve um crescimento no número de aplicativos que oferecem esse serviço, mas o uso e a preferência ainda não são significativos – ou seja, não superam os 3% de usuários, para serem computados pela pesquisa. Dessa forma, aparecem com o crescimento da categoria “outros”.

Apesar de pequenos, esses aplicativos somam 42% dos ingressos vendidos pelo mobile. Enquanto isso, os cinco maiores aplicativos de vendas de ingresso dividem a fatia de 58% do todo.

Fonte: Panorama Mobile Time/Opinion Box – Comércio móvel no Brasil – setembro de 2019.

Apesar da liderança do Ingresso.com, o aplicativo Sympla se destacou ao entrar de maneira tímida pela primeira no ranking.

Aplicativos de hospedagem

Booking.com e Trivago continuam sendo os preferidos quando se trata de hospedagem. Ambos dividem o pódio com 23% do uso respectivamente.

Outros aplicativos menos usados, como Hotel Urbano, Decolar.com e e Hotéis.com são responsáveis por apenas 17% das reservas mobile. Cai também o uso de aplicativos com representação menor de 3% (em vermelho no gráfico 16). Isso nos mostra a condensação do uso dos 3 primeiros colocados do ranking.

Fonte: Panorama Mobile Time/Opinion Box – Comércio móvel no Brasil – setembro de 2019.

Airbnb

O Airbnb ocupa a terceira posição, tendo como destaque o pouco tempo no ranking. Só começou a ser contado como preferido em 2017, mas já contava então com 12% das reservas. Em 2019, os 18% dos usuários diz usar o aplicativo para se hospedar com mais frequência.

Bicicletas e patinetes

Por fim, mas não menos importante, temos o aumento de uso dos aplicativos de transporte alternativo. Estão computados nessa lista as bicicletas e patinetes disponibilizados pelo Itaú, Yellow e Grin.

Por ser ter se tornado popular em cidades como São Paulo e Rio de Janeiro há pouco tempo, essa é a segunda vez em que o uso dessas modalidades é computado na pesquisa. Da última edição para cá, o uso de bicicletas e patinetes cresceu 2% cada um.

Assim, 9% dos usuários de smartphone afirmaram já terem alugado uma bicicleta por aplicativo e 4% já fizeram uso de de um patinete da mesma forma.

Vale lembrar ainda que essa novidade ainda está restrita à áreas urbanas muito específicas e não é acessível à toda população. No último relatório, foi apontado uso predominante na região Sudeste, onde há maior oferta, e pelas classes A e B principalmente.

 

Por Júlia Rondinelli, da redação E-Commerce Brasil. 

Deixe seu comentário

0 comentário

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.