Acesso rápido
  Redação E-Commerce Brasil

2ª Pesquisa do Varejo Online E-Commerce Brasil e Sebrae: veja estudo completo

Sexta-feira, 07 de agosto de 2015

O varejo online teve mudanças significativas em 2015, segundo apontou a 2ª Pesquisa Nacional do Varejo Online feita pelo E-Commerce Brasil em parceria com o Sebrae. A pesquisa foi divulgada durante o último Fórum E-Commerce Brasil 2015.  Ao todo foram aplicados 831 questionários eletrônicos entre os meses de maio e junho deste ano. O download gratuito do estudo completo já está disponível através do link.

Veja alguns resultados:

O Estado de São Paulo lidera como principal destino de vendas no e-commerce com 86%, seguido por Rio de Janeiro (71%), Minas Gerais (64%), Paraná (38%) e Rio Grande do Sul (34%). Santa Catarina, Distrito Federal e Bahia também foram destaque como destino de vendas.

* A taxa média de conversão caiu de de 1,7% em 2014 para 1,5% em 2015;

* A taxa de abandono de carrinho diminuiu de 57,7% em 2014 para 38% em 2015

* O número de pedidos por mês também diminuiu de 137 em 2014 para 90 em 2015;

* Moda continua liderando o ranking de principais segmentos de atuação no e-commerce, com 33%, categoria Casa e Decoração ficou em segundo lugar com 19%;

* Principal canal de atendimento no e-commerce em 2015 foi o e-mail (96,5%), seguido pelas redes sociais e telefone.

Veja pesquisa completa aqui: 2ª Pesquisa Nacional do Varejo Online – E-Commerce Brasil e Sebrae 2015 

Veja primeira pesquisa aqui.

Deixe seu comentário

0 comentário

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

O projeto E-Commerce Brasil é mantido pelas empresas:

Oferecimento:
Hospedado por: Dialhost Transmissão de Webinars: Recrutamento & Seleção: Dialhost Métricas & Analytics: MetricasBoss

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.