Usar a busca nativa da loja ou um sistema de busca especializado?

por Rodrigo Schiavini Sexta-feira, 14 de agosto de 2020   Tempo de leitura: 5 minutos

Se você tem um e-commerce ou é responsável por um, certamente já se perguntou se deveria usar a busca nativa da loja virtual ou um sistema de busca especializado. É uma dúvida bastante comum, principalmente para quem está começando e/ou com foco em crescimento.

Por isso, neste texto, vou falar um pouco sobre cada uma das alternativas. Vamos lá.

Busca nativa da loja virtual

A busca nativa da loja virtual geralmente é oferecida pela plataforma e, normalmente, o lojista não precisa pagar nada a mais por isso, pois está inclusa no plano.

Há ótimas plataformas no mercado que oferecem um bom suporte para o e-commerce, tendo a busca como uma das ferramentas disponíveis. Ela é uma boa opção para quem está começando, afinal não dá pra ficar sem um sistema de busca no site da loja. Do contrário, imagine como seria cansativo para aquele cliente que já sabe o que quer ter que procurar os produtos apenas pelas categorias, filtros e vitrines. Ele quer digitar o que procura e encontrar com facilidade.

Mas, muitas vezes, a plataforma faz as buscas por uma seleção de produtos através do banco relacional. Esse modelo, além de ter pouca eficácia, também é bastante pesado. Então, são dois problemas: é pouco eficaz e ainda gera um alto custo para a plataforma. Por isso, várias plataformas preferem que o lojista utilize a busca de terceiros.

Além disso, como esse não é o core delas, não conseguem investir tanto em análises e inovações e, por vezes, a busca pode ser limitada. Ou seja, pode não ser tão rápida e não mostrar os produtos certos em caso de erros ortográficos ou de digitação.

O autocomplete é outra característica bastante comum na busca nativa da loja, mas esse recurso, apesar de ajudar em alguns casos, já está ultrapassado. Hoje existem tecnologias muito mais assertivas e avançadas que mostram os resultados na própria página de busca, enquanto o cliente digita.

Sistema de busca especializado

Um sistema de busca especializado, por sua vez, tem uma equipe focada em mostrar os melhores resultados para o cliente, com facilidade e da melhor forma possível. Para isso, faz análises e estudos constantes para entender o comportamento do usuário; intenções de busca; e o modo como faz a busca dentro da loja, levando inovações e otimizando o sistema de busca sempre que possível.

Sistemas com busca inteligente

Os sistemas especializados com busca inteligente são ainda mais eficientes, pois fazem uso de inteligência artificial para aprimorar as buscas. Isso significa que as mudanças são ainda mais rápidas e menos complexas, pois contam com a inteligência para a automação de processos.

Essa tecnologia é semelhante à utilizada pelo buscador do Google, mas suas características estão voltadas a atender as necessidades específicas do comércio eletrônico.Porém, assim como o Google, possuem alta velocidade, mostrando os resultados em milissegundos, e dão prioridade para os resultados mais relevantes, por isso fazem análises comportamentais.

Para isso, a busca inteligente para e-commerce leva em conta tudo que é feito pelo cliente durante a navegação dentro da loja: produtos, vitrines e categorias em que clica, por exemplo. Assim, consegue direcionar os resultados de busca, mostrando o que é mais relevantes para ele.

Outra característica em comum entre o Google e uma busca inteligente para e-commerce é a capacidade de mostrar o que o cliente procura do jeito que ele procura. No caso da busca inteligente, isso é feito através da similaridade fonética — que reconhece os sons da letras e, por isso, mostra o produto certo mesmo que haja erros de digitação — e da busca por cor com reconhecimento de imagem.

Como o Google se tornou o maior buscador e o que isso tem a ver com o e-commerce

Apesar de estar fora do contexto do comércio eletrônico, praticamente todo mundo utiliza o Google para fazer pesquisas na internet e sabe que ele é referência em tecnologia para buscas. Por isso, é um ótimo exemplo para pensarmos em sistemas de busca para e-commerce.

Você sabe quais foram — e ainda são — os principais elementos responsáveis por transformar o Google no maior buscador, desbancando grandes concorrentes como o Yahoo? Investimentos em pesquisas, análises e inovações, focados sempre na experiência e na intenção de busca do usuário, priorizando sempre a velocidade e a relevância dos resultados para cada pessoa.

Por isso, pra quem está começando, vale usar a busca nativa da loja. Mas se o seu objetivo é crescer, é preciso investir em experiência de compra e estar pronto para lidar com grandes catálogos. Para isso, o melhor a se fazer é apostar em um sistema de busca inteligente especializado e mais preparado para receber o seu cliente como ele merece. Afinal, se você quisesse comer um ótimo doce, procuraria em um bufê por quilo ou em uma doceria especializada no assunto? Pense nisso.

Gostou desse artigo? Não esqueça de avaliá-lo!
Quer fazer parte do time de articulistas do portal, tem alguma sugestão ou crítica?
Envie um e-mail para redacao@ecommercebrasil.com.br

Você recomendaria esse artigo para um amigo?

Nunca

 

Com certeza

 

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.