Número de compras triplica durante a Black Friday

por Letícia Rodrigues Terça-feira, 21 de novembro de 2017   Tempo de leitura: 3 minutos

O comércio eletrônico vem se aperfeiçoando para ganhar cada vez mais a confiança do consumidor e aumentar o faturamento dos lojistas.

É notável que o comportamento online hoje tem maior receptividade ao progresso tecnológico, sobretudo quando a piada “Black Fraude” vem perdendo relevância, pelo menos segundo dados do setor.

Segundo Netrica, ao fazer um panorama do e-commerce Brasileiro, observa-se 3 grandes categorias: serviços de pagamento online, shopping e viagem.

 

Em média, 3 dias “normais” de vendas online no Brasil registram uma taxa de conversão em torno de 2,44%. Durante a Black Friday a conversão cresce, chegando a cerca de 4,13%.

Nos dias 25, 26 e 27 de novembro de 2016, as visitas aumentaram 92%. Quanto a pedidos, houve um aumento de 224%, ou seja, 3.2 vezes.

Mas de onde vêm as visitas, ou melhor, as conversões?

Em shopping, onde os valores são mais expressivos porque é onde as promoções estão concentradas, as visitas aumentaram 98% e os pedidos 260%, ou seja, 3.6 vezes mais que 3 dias normais. A média do setor normalmente é de 2,29% e, durante a campanha, passou a 4,17%. O share dessa categoria em visitas foi de 94,11% e em pedidos 95%

As duas outras categorias não “sofreram” o efeito Black Friday. No quesito visitas, Serviços de Pagamento Online teve uma representatividade de apenas 2,48%. Em pedidos, seu share foi de 3,38%. Em Viagens, as visitas também tiveram pouca relevância, com apenas 3,40% de participação e somente 1,69% em pedidos.

Durante a Black Friday de 2016, os sites mais visitados foram da categoria Shopping. Americanas liderou o período da campanha, seguido por Mercado Livre e Submarino.

Na categoria Viagens, o ranking de visitas é liderado por Decolar, Azul Linhas Aéreas e Gol.

Por último, dentro da categoria de Serviços de Pagamento Online, Peixe Urbano está em 1º lugar, seguido por Groupon e Ingresso.com.

 

Como será a Black Friday de 2017? Os lojistas estão se preparando para a forte entrada no mercado da americana Amazon e da chinesa Aliexpress? Em duas semanas já teremos novos dados.

Você recomendaria esse artigo para um amigo?

Nunca

 

Com certeza

 

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.