Acesso rápido

Como tornar os dados do supply chain seu recurso mais valioso

por Chris Clark Quinta-feira, 13 de setembro de 2018   Tempo de leitura: 4 minutos

Não importa o seu setor, os negócios estão enfrentando o mercado mais competitivo de todos os tempos. Há pressão de todos os tipos: custos, tempo e expectativa dos clientes. Mudanças acontecem de maneira mais frequente e mais rápida. As empresas mais bem-sucedidas são aquelas que conseguem se adaptar e se desenvolver mais rapidamente. Mas como isso pode ser feito?

Os segredos para se tornar uma empresa melhor está nos seus dados. Você pode escanear as operações de supply chain para descobrir possíveis economias, vantagens comparativas e relações desconhecidas que podem levar a novas promoções, decisões mais inteligentes e maiores vendas. Seus dados trazem respostas e você só precisa saber analisá-los melhor.

Atualmente, os métodos usados para gerenciar dados estão longe do ideal. É necessária uma nova forma de usar analytics para abrir os dados, desatar oportunidades e turbinar o potencial de crescimento de uma empresa.

O status quo deixa a desejar

Tradicionalmente, empresas usam sistemas que são bons em gerir transações, mas mantêm os dados compartimentados entre barreiras rígidas. Não há um modo de buscar informações de maneira transversal, fazer comparações ou novas descobertas. Os dados estão amarrados num sistema inflexível, que também traz embutido um alto custo de total de propriedade. Esta não é, nem de longe, uma boa opção.

Muitas soluções de analytics são limitadas

Para resolver o problema dos dados compartimentados, foram desenvolvidas diversas soluções em analytics. Geralmente, essa tecnologia é focada em comparações específicas de dados, determinadas antecipadamente, e envolvem a transformação de dados do estado original a ser examinado. Usuários se beneficiam de dashboards e relatórios, desde que a base de dados pré-definida se relacione com os desafios gerais que a empresa enfrenta.

Isso é melhor do que abrir mão totalmente de analytics, mas esse método de trabalho tem, ainda, as suas limitações. É tático, em vez de estratégico, pré-definido, em vez de open-ended. Não dá muito poder de controle ao usuário, não permite fazer análises mais amplas nem promove a descoberta de conexões inesperadas. Em outras palavras, o caminho para os dados está aberto, mas de maneira reduzida.

Está na hora de novas abordagens

Uma boa solução para analytics deve ser completamente aberta. Em vez de coletar informações ou predeterminar que fatores são garimpados, ela dá acesso a oceanos de dados. Histórico, dados da empresa e uma ampla gama de fatores externos – clima, interação social, local etc — podem ser explorados e convertidos em insights bastante úteis. Empresas já estão se beneficiando desse tipo de analytics avançado e operacional.

Por exemplo, a Sopa Campbells descobriu que havia um aumento no consumo de seus produtos de acordo com a região do cliente, clima e mudanças na temperatura. Em dias frios ou em dias em que a temperatura caiu bruscamente, eles mudaram a estratégia de publicidade online e a aumentaram a venda de sopas.

A Proctor & Gamble descobriu que a maior parte das mulheres americanas verificam como está o tempo a cada manhã. Em dias muito úmidos, a empresa turbinou a publicidade de produtos para alisar o cabelo e as vendas aumentaram. Empresas de cartão de crédito estão usando dados para cruzar informações sobre locais de compra e a localização do celular de clientes, detectando fraudes antes de as compras serem aprovadas. Esses exemplos são apenas a ponta do iceberg.

Quando você aumenta o poder de seus dados, as possibilidades se tornam infinitas. Melhor ainda: com a solução mais apropriada, a análise pode ser concluída com um uso mínimo de TI. Usuários podem explorar rápida, livre e independentemente os dados para buscar uma vantagem competitiva no futuro.

O que seus dados podem fazer por você?

Em uma era de competição voraz, dados são um recurso valioso e inexplorado. Com uma solução avançada de analytics, você pode encontrar conexões em sua supply chain de maneira proativa e criativa, ajudando a aumentar os lucros, baixar custos e maximizar a eficiência da empresa.

Os segredos estão em seus dados, apenas esperando ser descobertos.

Você recomendaria esse artigo para um amigo?

Nunca

 

Com certeza

 

Deixe seu comentário

0 comentário

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

O projeto E-Commerce Brasil é mantido pelas empresas:

Oferecimento:
Hospedado por: Dialhost Transmissão de Webinars: Recrutamento & Seleção: Dialhost Métricas & Analytics: MetricasBoss

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.