Projeto mantido por:

Taxa Selic no e-commerce: como esse índice impacta o seu negócio?

por Matheus Undiciatti Sexta-feira, 20 de maio de 2022   Tempo de leitura: 6 minutos

No último dia 4, o Comitê de Política Monetária (Copom) elevou mais uma vez a taxa Selic, que alcançou o valor de 12,75% ao ano. Esse é o décimo aumento consecutivo da taxa e representa o maior patamar em mais de cinco anos.

Como a taxa Selic é a taxa básica da economia brasileira, o impacto desse aumento será sentido nos mais diversos setores, inclusive no e-commerce.

O contexto econômico no Brasil segue desafiador, mas se a situação para empreender não está fácil, uma medida importante para prevenir problemas financeiros é entender o cenário e como ele pode afetar o seu negócio.

A Selic é a taxa básica da economia brasileira, e o impacto desse aumento será sentido nos mais diversos setores, inclusive no e-commerce.

Então, vamos aprender um pouco mais sobre essa taxa básica?

O que é a taxa Selic?

A Selic é a taxa básica de juros da economia brasileira. Trata-se de um dos instrumentos utilizados pelo Banco Central para regular a circulação de dinheiro na economia e, assim, controlar a inflação.

Na prática, quando a Selic sobe, os juros para crédito ficam mais altos, desestimulando o consumo e favorecendo a queda da inflação. Quando a taxa cai, acontece o contrário: os empréstimos ficam mais baratos, aquecendo a economia.

A cada 45 dias, o Copom se reúne para definir o valor da Selic, determinando se ela deve aumentar, diminuir ou se manter estável.

Um passo atrás: o que é o Selic?

O Selic é o Sistema Especial de Liquidação e Custódia do Banco Central, responsável por controlar os títulos do Tesouro Nacional.

Vale lembrar que, além da cobrança de impostos, um método para o governo ter dinheiro em caixa é a venda de títulos. Em linhas gerais, os títulos públicos são certificados de dívidas comprados por investidores, na sua maioria, instituições financeiras, com o objetivo de reaverem esse valor no médio e longo prazo, acrescidos de juros.

Ou seja, o aumento da taxa Selic significa que o contexto econômico está mais favorável para investimentos em títulos públicos, já que oferece uma maior rentabilidade para a compra deles.

E como a taxa Selic impacta diretamente o e-commerce?

Esse assunto ainda parece distante da sua realidade? Se até o dólar e uma guerra do outro lado do mundo afetam a nossa economia, a taxa básica de juros do país, com certeza, também tem efeito sobre o seu empreendimento. Veja a seguir de quais formas.

Não é o momento para empréstimos

Se o contexto torna mais vantajoso investir, significa que o caminho inverso – de pegar empréstimos – está desafiador. Como a Selic impacta diretamente no aumento das taxas de juros das linhas de crédito para negócios, está mais caro para as lojas adquirirem empréstimos e financiamentos.

Por isso, é essencial atentar-se à gestão financeira do negócio nesse momento, controlando bem as despesas e o fluxo de caixa, para não ter problemas com dívidas e se manter no verde.

A população está gastando menos

Com um cenário econômico mais apertado, a população também assume uma postura mais conservadora, consumindo menos, impactando as vendas do varejo e de outros segmentos.

Afinal, além do aumento da Selic, a inflação nacional chegou a 1,06% em abril, a maior dos últimos 26 anos. Nesse cenário, os preços subiram 12,13%, em média, impactando significativamente o poder de compra da população.

Isso tudo não significa que a sua loja em específico terá uma queda no faturamento. Porém, na média, os negócios brasileiros tendem a vender menos nesse cenário. Portanto, é preciso manter um bom planejamento financeiro e realizar estratégias de vendas eficazes.

Abastecer o estoque pode ser um desafio

Com a subida da taxa Selic, a tendência é de que o valor dos produtos aumente, ficando mais complicada a reposição do estoque.

Esse é o momento, portanto, de revisar preços, negociar com fornecedores e ponderar a viabilidade de lançamentos de novos itens.

O cenário econômico está desafiador, mas, com planejamento e otimização dos processos da sua loja virtual, é possível transpor esses desafios e seguir atendendo o consumidor final.

Se esse não é o momento de recorrer ao crédito, pode ser a oportunidade para estudar maneiras de impulsionar o negócio com as ferramentas que você já tem na mão.

Leia também: Como a taxa Selic influencia na venda

 

Gostou desse artigo? Não esqueça de avaliá-lo!
Quer fazer parte do time de articulistas do portal, tem alguma sugestão ou crítica?
Envie um e-mail para redacao@ecommercebrasil.com.br

Você recomendaria esse artigo para um amigo?

Nunca

 

Com certeza

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

CADASTRE-SE EM NOSSA NEWSLETTER