Acesso rápido

Soluções financeiras para o e-commerce B2B facilitam a vida das MPEs

por Rodrigo Thedim Quinta-feira, 02 de agosto de 2018   Tempo de leitura: 3 minutos

Diferente de outros nichos da economia, o e-commerce Business-to-Business expande ano a ano no mundo. Segundo dados da consultoria americana de negócios Frost & Sullivan, esta modalidade de negócio apresentou uma taxa de crescimento superior a 20% ao ano desde 2010 e já se tornou o maior gerador de receita online do mundo. A previsão é que ultrapasse a marca de U$ 6.7 trilhões em 2020. Ou seja, apenas daqui há dois anos. Dessa forma, assumirá o dobro do tamanho do e-commerce B2C. Tratam-se de números importantes e expressivos que não podem ser ignorados por quem empreende.

Escassez de soluções financeiras

O aparecimento e crescimento de marketplaces, por exemplo, se tornou também uma alternativa muito interessante para pequenas e grandes empresas transacionarem no mundo eletrônico. Entretanto, apesar da demanda, ainda existe uma escassez de soluções financeiras específicas disponíveis para as transações do e-commerce B2B. As empresas, geralmente, disponibilizam a geração de boleto para pagamento à vista ou com prazos maiores (30/60/90 dias).

Neles assumem, nesse último caso, o risco de crédito, muitas vezes empiricamente. Isso pois não conseguem efetuar uma análise creditícia assertiva de maneira online. A outra opção disponível é o uso dos cartões de crédito. No entanto, é preciso lembrar que cartões envolvem grandes taxas. Nem sempre significa ser opção viável para todas as empresas, já que muitas delas não possuem cartão de crédito corporativo, ou ainda, não conseguem limite para efetuar as compras necessárias. Isso pois o crédito para MPE no Brasil não tem sido algo muito acessível nos bancos. Assim, resta ao empresário, muitas vezes, usar seu cartão pessoal. É sabido que misturar contas pessoais com contas da empresa nunca é uma boa ideia.

Outro ponto a ser destacado é a burocracia que envolve as instituições bancárias e os programas de crédito subsidiado, como, por exemplo, o FINAME e o BNDES. Eles acabam resultando, muitas vezes, em perdas de vendas. Essas situações dificilmente ocorreriam se o processo fosse 100% online.

Fintechs

As fintechs chegaram com duas propostas: não só inovar o mercado financeiro, mas também oferecer as melhores oportunidades de negócio B2B para os empresários. É preciso lembrar que em função da alta complexidade nos processos de avaliação de crédito para empresas nas instituições bancárias tradicionais e da incapacidade delas em realizar estes processos com a agilidade necessária, este segmento acaba deixando de ser prioridade para eles. Apesar disso, o Brasil hoje já representar o mesmo volume financeiro do mercado B2C. Isso com menor número de transações absolutas.

No cenário atual e no projetado não faz o menor sentido que as transações do mercado eletrônico entre empresas sejam realizadas de forma fragmentada. Ou seja, parte online e parte offline. É possível encontrar fintechs que oferecem ao e-commerce B2B soluções 100% online para análise de crédito e pagamento parcelado de compras, sem as burocracias usuais e com taxas mais justas.

 

Você recomendaria esse artigo para um amigo?

Nunca

 

Com certeza

 

Deixe seu comentário

2 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

  1. Boa tarde Rodrigo,
    vc teria como indicar fintechs que realizam este serviço de venda com prazo B2B , sem ser necessariamente o cartão de crédito? Já utilizamos em nosso marketplace um meio de pagamento com cartão de crédito, mas não encontramos ainda alguém que tenha este serviço mencionado em seu texto.
    cordialmente
    Gustavo

    Responder

O projeto E-Commerce Brasil é mantido pelas empresas:

Oferecimento:
Hospedado por: Dialhost Transmissão de Webinars: Recrutamento & Seleção: Dialhost Métricas & Analytics: MetricasBoss

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.