Same day delivery: quando e como vale a pena

por Paulo Henrique Dias Terça-feira, 01 de junho de 2021   Tempo de leitura: 10 minutos

Same day delivery, ou entrega no mesmo dia, é um assunto recorrente no e-commerce. As empresas do setor estão sempre discutindo a viabilidade e a importância de oferecer essa opção, bem como os desafios logísticos e financeiros implícitos na estratégia.

O tópico ganhou ainda mais holofotes depois que algumas das maiores empresas de compras online do Brasil começaram a trabalhar com entregas agendadas para o mesmo dia.

Quanto mais o e-commerce brasileiro cresce, maior a movimentação em busca de novos diferenciais competitivos — e o frete desponta como elemento-chave de muitas estratégias. Uma pesquisa realizada pelo Moosend mostrou que o preço do frete é responsável por 60% das desistências de compra online, sendo o principal fator para o abandono de carrinho. O prazo da entrega é outro ponto determinante na decisão de compra do consumidor.

Mas, e quanto aos lojistas menores? O same day delivery continua sendo uma opção vantajosa? Algumas questões precisam ser levadas em consideração antes de se tomar uma decisão.

Same day delivery: o que levar em consideração antes de oferecer?

Uma pesquisa intitulada Global Consumer Insights Survey, realizada pela consultoria PwC, apontou que 40% dos consumidores estão dispostos a pagar mais por um serviço de same day delivery. De acordo com o relatório, 80% dos entrevistados consideram velocidade na entrega, conveniência, ajuda especializada e serviço amigável como os elementos mais importantes para a boa experiência de compra.

Esses dados nos levam a uma reflexão importante: seu negócio tem demanda para um serviço de same day delivery? Antes de implantar uma estratégia como essa, que certamente envolve um esforço logístico considerável, é importante analisar a sua base de clientes.

Parte dessa análise também tem relação direta com o tipo de produto comercializado. Se a loja virtual trabalha com alimentos, por exemplo, já é esperado que a rapidez na entrega seja o grande destaque do serviço de frete.

Supondo que o lojista constate que há demanda para a implantação de um serviço de same day delivery em seu negócio, como estruturá-lo? O primeiro passo é criar regras para a entrega no mesmo dia, como por exemplo, estabelecer um horário limite para a realização de pedidos nessa modalidade.

Também é importante avaliar quais são as opções de serviços de entrega disponíveis em sua região, pois tais alternativas determinarão a viabilidade e o custo da estratégia.

A seguir estão listadas as principais maneiras de viabilizar o serviço de same day delivery em negócios pequenos e médios.

Aplicativos de entrega

A maioria das cidades brasileiras já são atendidas pelos serviços de aplicativos de entrega. É importante que o lojista que pretende oferecer o serviço de entrega no mesmo dia mapeie as opções disponíveis na região.

Esses aplicativos podem ajudar bastante a cobrir a área próxima à sede ou ao centro de distribuição do seu negócio. Pedidos feitos para a mesma cidade ou para municípios vizinhos podem ser entregues usando tais soluções, ainda que o valor da entrega possa ser consideravelmente mais alto.

Motoboys e entrega própria

Caso o volume de pedidos na modalidade same day delivery seja elevado, talvez valha a pena contratar um motoboy para prestar esse serviço. Neste caso, o profissional fica à disposição do negócio e realiza as entregas na região (cujo raio de abrangência deve ser definido e comunicado aos clientes).

O modelo é bastante usado para entregas de alimentos, mas pode funcionar com outros tipos de envios também, desde que a demanda prevista justifique o investimento.

Outra possibilidade é o próprio lojista realizar as entregas para a região. Embora muitas vezes ele não tenha tempo de fazer isso, se o volume de entregas for administrável, essa acaba se tornando uma opção mais barata para oferecer um diferencial na loja online.

Empresas de ônibus

Muitas vezes, a solução para viabilizar a entrega no mesmo dia vem de onde nem imaginávamos. Diferentes empresas de transporte rodoviário de passageiros oferecem serviços de entrega que usam o espaço vazio nos bagageiros para transportar mercadorias.

Para médias distâncias (cidades no mesmo estado, por exemplo), a entrega no mesmo dia – ou, no máximo, em até 24 horas – pode ser viável por esse modal, desde que a encomenda seja postada dentro do prazo. Vale a pena consultar os serviços das transportadoras que atendem a região do seu negócio e checar se a modalidade está disponível e sob quais condições.

Pontos de retirada

Uma estratégia cada vez mais usada por muitos lojistas do comércio eletrônico é a de recorrer a pontos de retirada. Com o apoio de uma transportadora, os produtos são enviados até locais estratégicos e o consumidor pode se dirigir até esses estabelecimentos para receber as mercadorias que adquiriu.

É possível firmar parcerias com diversos tipos de pontos de retirada, como lojas de conveniência, farmácias, supermercados e postos de combustíveis. Embora em muitos desses casos a entrega não consiga ser feita no mesmo dia, ela pode ser realizada em tempo menor do se fosse realizada por uma modalidade tradicional de envio.

Dropshipping

O conceito de dropshipping está se tornando muito popular no e-commerce. Nesse modelo, o lojista compra parte do estoque de determinado produto junto ao fornecedor, que continua responsável pelo armazenamento e entrega. Quando há uma nova venda, o fornecedor é comunicado e se encarrega de fazer o despacho da encomenda.

O modelo dropshipping pode reduzir significativamente o tempo de entrega, além de baratear custos com frete e armazenamento. Dependendo do produto vendido, a empresa fornecedora pode ter pontos de estoque espalhados pelo país, acionando aquele que fica mais próximo do destinatário. Uma boa alternativa para atingir consumidores de novas regiões.

O lucro é dividido entre as empresas participantes da cadeia, o que pode reduzir as margens. Em contrapartida, a praticidade da operação e a redução de custos com estoque e separação de pedidos por parte do lojista pode compensar a adoção da modalidade.

Grandes marketplaces trabalham com estratégias de dropshipping (ou algo parecido com isso), o que permite que muitos deles ofereçam same day delivery ou entrega no dia seguinte para determinados produtos e regiões.

A importância de contar com diversas opções de frete

Os modelos mais usados para viabilizar uma estratégia de same day delivery foram apontados acima. Embora muitas lojas não tenham demanda para oferecer esse tipo de entrega, é importante que elas diversifiquem as opções de frete para o consumidor.

Frete econômico ou frete expresso? Entrega em casa ou em pontos de retirada? Quanto mais opções forem oferecidas ao cliente, mais ele se sentirá valorizado e poderá escolher a modalidade de entrega que melhor atende suas necessidades.

Há plataformas de cotação e compra de frete no mercado que fazem justamente essa centralização dos serviços de diversas transportadoras, permitindo a integração da solução a lojas virtuais e marketplaces. Vale a pena recorrer a soluções como essa, tanto para economizar com frete quanto para facilitar a gestão logística de seu negócio.

Gostou desse artigo? Não esqueça de avaliá-lo!
Quer fazer parte do time de articulistas do portal, tem alguma sugestão ou crítica?
Envie um e-mail para redacao@ecommercebrasil.com.br

Você recomendaria esse artigo para um amigo?

Nunca

 

Com certeza

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

CADASTRE-SE EM NOSSA NEWSLETTER