Quer abrir um e-commerce? Se prepare para enfrentar esses desafios

por Gustavo Chapchap Sexta-feira, 10 de julho de 2020   Tempo de leitura: 8 minutos

Abrir um e-commerce é um bom negócio, seja para quem já tem um estabelecimento comercial e pretende expandir os canais de vendas, ou para quem resolveu investir num empreendimento dedicado exclusivamente ao ambiente digital.

Em termos de potencial de mercado, vale lembrar que o comércio eletrônico é um setor em franca expansão. Segundo os dados da E-bit/Nielsen, o faturamento do segmento aumentou 16,3% em 2019, em comparação com 2018. No total, foram movimentados R$ 61,9 bilhões (contra R$ 53,2 bilhões de 2018).

As questões econômicas influenciaram no resultado, mas há consenso que esse desempenho tem relação principalmente com o fortalecimento do comércio eletrônico no Brasil.

Os dados da Ebit/Nielsen mostram que houve também aumento no volume de pedidos: foram 148,4 milhões de compras em 2019, frente as 122,7 milhões registradas em 2018.

Em 2020, somente no mês de maio, o comércio eletrônico no Brasil cresceu 126,9%. Isso representou 23,8 milhões de pedidos por meio de e-commerces. Os dados fazem parte de uma pesquisa realizada pela Compre&Confie e repercutida pelo Money Times. De acordo com o levantamento, o varejo online movimentou R$ 9,4 bilhões durante os dias 1 e 24/05.

Se o crescimento no número de negócios online é dado como certo, é preciso atenção ao abrir uma loja virtual. Não há mais espaço para amadorismo. Os desafios para os gestores são cada vez maiores e, para vencê-los, é importante preparar-se com antecedência.

Neste post reunimos algumas dicas relevantes para quem está estruturando sua operação de comércio eletrônico. Confira!

Como abrir uma loja virtual competitiva?

Se estamos num mercado mais disputado, nem pense em ignorar a necessidade de ter uma loja profissional, preparada para se destacar dos concorrentes.

As soluções tecnológicas têm um papel importante nessa história. São elas que garantem a melhor experiência de compra para o cliente e a agilidade necessária para o processo de gestão da operação.

Para que a sua loja disponha de tecnologia de ponta, escolha uma plataforma de e-commerce dotada de recursos avançados, como:

Hub nativo para integração com marketplaces

As vendas por meio das operações desse tipo têm crescido acima da média do mercado, então hoje é crucial que a sua loja virtual esteja preparada para atuar com esses canais.

Checkout inteligente

Não se trata apenas de oferecer ao cliente um ambiente de compra mais agradável, é fundamental agilizar o processo de compra, facilitar a operação do cliente. O emprego dos recursos adequados é fundamental, por exemplo, para reduzir as taxas de abandono de carrinhos.

Conceito omnichannel

Atender o cliente em diversos canais deixou de ser opcional. O comportamento do consumidor é omnichannel, o que significa que a marca precisa estar disponível na loja física (se for o caso), na web, no mobile, nas redes sociais, no WhatsApp etc. Quem resolve como será o contato é o cliente!

Como vencer os desafios iniciais?

Organizada a infraestrutura interna da operação, o sucesso do negócio depende também da capacidade dos gestores para cuidar da orientação estratégica da loja.

Para que os resultados sejam crescentes, assegure-se de que todas as frentes estão cobertas:

Marketing e divulgação

Num ambiente de maior concorrência, é preciso investir na consolidação do nome da loja para atrair (e manter) a atenção do público. Como se pode imaginar, um trabalho correto nessa área requer a ajuda de parceiros adequados.

O apoio de uma agência de e-commerce pode fazer muita diferença, uma vez que ela responderá pelo desenvolvimento da identidade visual da loja e garantirá que suas ações de comunicação aconteçam de forma alinhada.

Fique atento: o site da loja também precisa estar preparado para ranquear bem nos motores de busca (daí a importância de ter uma plataforma construída com as melhores práticas de SEO) e deve empregar todos os recursos disponíveis para a geração de tráfego.

Atendimento de qualidade

Outro fator fundamental para ter um negócio bem-sucedido é a qualidade do atendimento. Isso envolve desde a disponibilização dos canais adequados para atender à demanda dos clientes, como a definição de políticas de preço e de entrega que ajudem a valorizar a operação.

Pode parecer óbvio, mas ainda vemos muitas lojas boas fracassarem por não conferir a devida atenção à qualidade dos serviços prestados. Tenha em mente que hoje um único consumidor insatisfeito por fazer um estrago enorme para a sua marca se compartilhar suas más experiências.

Não temos como evitar os problemas, mas temos a obrigação de agir sobre eles, encontrando soluções capazes de minimizar as dificuldades geradas para o cliente.

Lembre-se de que as medidas preventivas são mais indicadas que as reativas. Pensando nisso, monitore de perto tudo o que acontece na loja, avaliando os relatórios gerados pela sua plataforma de e-commerce. É a partir deles que você pode detectar os pontos que merecem atenção.

Foco na conversão

Diferentemente do que ocorre na loja física, onde o crescimento da operação pode exigir investimentos na estrutura, o ambiente digital é propício para que o seu negócio ganhe escala.

Esse é um diferencial importante para o comércio eletrônico, mas para concretizá-lo é preciso trabalhar com foco na conversão. Isso quer dizer que você precisa dispor dos recursos necessários na sua plataforma de e-commerce e saber como aproveitá-los nas diversas oportunidades que aparecem no dia a dia.

Invista, por exemplo, em ações de cross selling, que são uma excelente forma de aumentar o seu ticket médio, a partir de ofertas como “compre junto”, “produtos relacionados” e “quem comprou também comprou”.

O e-consumidor aprecia as novidades e, como qualquer outro, valoriza as ações promocionais e atividades que mostram a importância que ele tem para aquela loja. Uma das vantagens do comércio eletrônico é esta: temos como entender o comportamento do cliente e, com isso, fazer abordagens mais certeiras.

Abrir um e-commerce hoje não é complicado. Não faltam recursos para dar suporte ao trabalho dos empreendedores, independentemente do setor de atuação. Mas para ter sucesso é importante atenção a todos os detalhes da operação.


Gostou desse artigo? Não esqueça de avaliá-lo!
Quer fazer parte do time de articulistas do portal, tem alguma sugestão ou crítica?
Envie um e-mail para redacao@ecommercebrasil.com.br

Você recomendaria esse artigo para um amigo?

Nunca

 

Com certeza

 

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.