Acesso rápido

Pensando em ter um e-commerce? Preze pela estruturação

por Thiago Mazeto Segunda-feira, 16 de julho de 2018   Tempo de leitura: 8 minutos

Seja online ou offline, todo negócio precisa de uma estrutura para realizar suas operações. Para entender melhor, vamos fazer uma analogia com as lojas físicas? Veja bem:

  • atrás do balcão, você precisa de um sistema de gestão, planilhas financeiras, controle de estoque, recebimento de pedidos e assim por diante;
  • do balcão para fora, a loja deve ter um layout atrativo, produtos expostos de forma atrativa, opções de pagamento, estratégias de marketing e por aí vai.

Pois tudo isso vale também para o comércio eletrônico! A grande diferença é que, na internet, o que oferece essa estrutura para o lojista é a plataforma de e-commerce, responsável por tudo aquilo que o visitante vê e por onde ele navega (ambiente chamado de front-end), bem como por aquilo que o administrador precisa para gerenciar o negócio (o famoso back-end).

Escolha a plataforma que melhor atenda ao seu negócio

É isso mesmo que você entendeu: toda a operação da loja depende da plataforma. Portanto, investir em uma estrutura confiável e de qualidade é o passo certo para você não só conseguir oferecer uma boa experiência ao cliente, mas também poder gerenciar sua loja com a devida segurança, uma vez que seu pleno funcionamento está garantido.

Entenda desde já: a plataforma não deve ser entendida como um custo ou uma mera ferramenta. Na verdade, esse é um investimento estratégico para promover um crescimento sustentável e assegurar a escalabilidade do seu e-commerce.

Como são várias as opções de plataformas disponíveis no mercado, sejam gratuitas ou pagas, padronizadas ou personalizadas, com muitos ou poucos recursos, a escolha do modelo ideal demanda muita pesquisa.

A pergunta a ser respondida aqui é: qual a melhor solução para as características e demandas da sua loja?

Pense onde está e onde quer chegar

Pense na fase atual do seu negócio. Quantos produtos você quer oferecer, quais são suas prioridades (preço, personalização, autonomia) e quanto pode investir? Mas reflita também sobre o futuro! Aonde sua empresa quer chegar? Lembre-se de que uma boa plataforma deve acompanhar a evolução do negócio, já que trocar de fornecedor geralmente traz muitos transtornos.

Depois, avalie as funcionalidades da plataforma, tendo em mente que ela precisa facilitar sua vida. Ela deve automatizar tarefas que dariam muito mais trabalho ao serem feitas manualmente. Verifique, por exemplo, a possibilidade de integração com soluções de marketing digital, sistemas de ERP e CRM, gerenciadores de risco e gateways de pagamento.

Dessa forma, é possível gerenciar toda a loja em uma única plataforma, o que facilita (e muito) o controle do negócio.

Nesse cenário, você conseguirá agilizar tarefas, evitar falhas e acessar relatórios. Isso tudo para administrar seu e-commerce com máximo cuidado e melhorar seus resultados.

Conte com fornecedores de confiança

Para oferecer um serviço de qualidade, uma loja virtual também precisa se cercar de bons fornecedores. E um e-commerce lida com diversos deles, como:

  • plataformas de e-commerce;
  • sistemas ERP;
  • fabricantes ou fornecedores de produtos;
  • plataformas de e-mail marketing;
  • intermediadores de pagamento;
  • agências de marketing digital;
  • agências de design;
  • sistemas antifraude;
  • empresas de logística.

Por mais que essa lista tenha sido resumida, já dá para perceber a importância dos fornecedores para um e-commerce, não é mesmo? Afinal, são eles os responsáveis por dar andamento a tarefas vitais para o desempenho do negócio, desde a administração até a satisfação do cliente.

Problemas e soluções

Sem um bom fornecedor de logística, por exemplo, o produto pode demorar mais que o prazo prometido para ser entregue. Esse tipo de situação gera insatisfação, pedidos de estorno, reclamações nas redes sociais, o que mancha à reputação da empresa e perda de clientes.

Já sem uma boa solução de segurança, o cliente pode simplesmente desistir de comprar na sua loja ou, ainda pior, ter seus dados roubados.

Aí surgem os transtornos para dar início ao mesmo ciclo de insatisfação, reclamação, mancha à reputação e perda de audiência.

Por essas e outras, a escolha dos fornecedores deve ser cercada do máximo de cuidado, resultando de uma pesquisa realmente minuciosa.

O sucesso do seu negócio depende de sua estruturação. No começo, seu negócio pode se pequeno, dependendo apenas de você. Mas a partir do momento que você entende que ele pode crescer, é importante montar uma base sólida para que ele cresça forte e tenha o poder de se manter em qualquer período.

A escolha de fornecedores que auxiliaram seu negócio, independentemente do tamanho é importante para que você nunca fique na mão, sendo sua operação pequena, média ou grande. Planeje seu crescimento e crie metas e etapas e faça as mudanças necessárias de acordo com esse crescimento. Apenas assim, seu negócio crescerá de maneira estruturada, impedindo assim que ele não tenha sucesso.

 

Você recomendaria esse artigo para um amigo?

Nunca

 

Com certeza

 

Deixe seu comentário

0 comentário

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

O projeto E-Commerce Brasil é mantido pelas empresas:

Oferecimento:
Hospedado por: Dialhost Transmissão de Webinars: Recrutamento & Seleção: Dialhost Métricas & Analytics: MetricasBoss

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.