Acesso rápido

Plataforma de e-commerce paga e gratuita: qual escolher?

por Galleger Ilhe Sexta-feira, 12 de outubro de 2018   Tempo de leitura: 6 minutos

No momento de criar uma loja virtual, sempre surge aquela dúvida: devo utilizar uma plataforma de e-commerce paga ou gratuita? Bom, esse é um fator que precisa ser estudado com calma e antes que qualquer decisão seja tomada. Nesse momento, avalia-se todas as vantagens e desvantagens para escolher a opção certa.

É importante destacar que, para uma loja virtual possuir um excelente desempenho e garantir ótimas conversões e vendas, além da fidelização dos consumidores, é fundamental que a plataforma seja eficiente em diversos fatores.

Entre eles, é possível ressaltar:

  • Estabilidade;
  • Qualidade;
  • Suporte totalmente atencioso;
  • Possibilidade de integrações;
  • Estatísticas completas;
  • Ótimo espaço de armazenamento.

Contudo, para que esses ótimos resultados sejam adquiridos, é preciso escolher a plataforma que atenda perfeitamente às necessidades do seu negócio online. Por isso, conheça as principais diferenças entre uma plataforma de e-commerce paga e uma gratuita.

As principais diferenças entre plataforma paga e gratuita

Suporte

Uma das principais diferenças entre um plataforma de e-commerce paga e uma gratuita (talvez a que mais deva ser considerada) é o suporte. Ao optar por uma plataforma sem custos, o suporte acaba ficando em segundo plano. Isso pode deixá-lo, muitas vezes, na mão. Com uma plataforma paga, o suporte é completo e atencioso, pronto para atender às suas necessidades e resolver qualquer problema.

Divulgação personalizada

Outra diferença se relaciona à veiculação de anúncios ou recursos especiais para divulgação dos seus produtos. Muitas vezes, a gratuita bloqueia esse recurso na loja virtual, o que acaba comprometendo o empreendimento. Afinal, o desenvolvimento de métodos de divulgação é essencial para fortalecer as vendas. Por esse motivo, a paga pode ser a melhor opção. Ela permite a escolha de filtros na hora de incluir anúncios e produtos que precisam de mais visibilidade.

Estatísticas

Ainda, em uma loja virtual, é fato que as estatísticas são fundamentais para acompanhar o desenvolvimento do negócio. Acessos, conversões e vendas, por exemplo. Contudo, na maioria das vezes, uma plataforma gratuita não permite uma boa análise das estatísticas ou até mesmo não disponibiliza essa opção. Isso compromete o gerenciamento do negócio. Essa é mais uma diferença com relação à paga, que permite uma análise e controle completo das informações.

Integrações

Com relação às integrações, as plataformas gratuitas acabam sendo mais limitadas do que as pagas, que muitas vezes já possuem integrações incluídas no plano. Essa é uma funcionalidade essencial para que o desempenho da loja virtual seja cada vez mais eficiente. Pois, se não há a possibilidade de integração com outras ferramentas, seu e-commerce não consegue escala para crescer. Dessa fora, fica limitado em suas funcionalidades.

Custo-benefício da plataforma

Por mais que a opção gratuita agrade pelo custo, é preciso avaliar se as limitações não causarão mais problemas e até prejuízos, ao invés de investir um pouco mais em uma opção paga. Pense na imagem que o seu empreendimento quer passar, assim como no desempenho para agradar os consumidores.

Você recomendaria esse artigo para um amigo?

Nunca

 

Com certeza

 

Deixe seu comentário

0 comentário

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.