Projeto mantido por:

Cinco dicas para tornar sua plataforma de e-commerce mais eficiente

por Luan Gabellini Terça-feira, 12 de abril de 2022   Tempo de leitura: 5 minutos

Quem ousaria discordar que as vendas pela Internet surgiram com a finalidade de tornar a experiência de compra mais prática e cômoda? Se antes essa modalidade era uma alternativa, hoje se torna regra. O e-commerce não para de crescer! No Brasil, por exemplo, as vendas em ambiente digital no ano passado cresceram 27% na comparação com 2020, alcançando R$ 182,7 bilhões de faturamento. A informação consta na edição 45ª do relatório Webshoppers, elaborado pela NielsenIQ|Ebit, em parceria com a Bexs Pay.

Frente a essa demanda, não dá para negar que aprimorar constantemente sua plataforma de vendas online e estar atento às tendências do setor, atualmente, são condutas obrigatórias para não ser deixado para trás. Então, que tal estar por dentro das cinco principais dicas que prometem fazer a diferença no comércio eletrônico?!

1 – Escolha a plataforma certa

A escolha da plataforma é fundamental para o sucesso do negócio. Alguns aspectos devem ser levados em consideração. Layout é um deles. É muito importante que seja de fácil uso e boa velocidade e que seja compatível com smartphone, que é o principal meio pelo qual os brasileiros fazem compras. Ou seja, é necessária uma ferramenta que proporcione uma boa navegação e que faça a experiência do cliente fluir com bastante tranquilidade por todos os caminhos de compra.

A dica também é não deixar que os valores cobrados pela plataforma afetem o lucro da empresa.

2 – Processo de compra em três cliques

Se o consumidor conseguir chegar ao produto que deseja em até três cliques, pode-se considerar que a empresa tem um processo de compra curto, como deve ser. O caminho para conseguir isso é utilizar filtros que permitam uma busca rápida. E isso faz total diferença, porque quem gosta de navegar por diversas páginas até concluir um processo?

3 – A loja virtual deve carregar rapidamente

De nada adianta ter o melhor produto, o melhor layout do e-commerce, um processo de compra eficiente, mas a cada clique a página demorar para carregar. Quem usa o digital para fazer compras leva esse aspecto muito em consideração. O que pode ajudar a não correr tal risco é manter as fotos em um tamanho adequado e também textos escritos com clareza.

4 – Utilize as mídias sociais

O investimento em marketing digital, que chegou ainda mais forte durante a pandemia, é uma das estratégias mais adotadas por diversas empresas. É importantíssimo ter um planejamento das ações que vão ser realizadas e como serão feitas. As vendas nas redes sociais têm ajudado muitas marcas a alcançar o tão sonhado sucesso.

5 – Facilidade na hora de pagar

Também não é novidade que a forma de pagamento do consumidor mudou. Por isso, a loja que não oferece meios para pagar online vai sair perdendo. De acordo com uma pesquisa da PWC Brasil, a expectativa é que até 2025 os volumes de pagamentos digitais cresçam em mais de 80%. Se hoje a circulação do dinheiro em espécie já diminuiu, daqui para frente vai reduzir cada vez mais.

Diante disso, fica mais fácil concluir que as transformações, dependendo da velocidade em que ocorrem, assustam, mas são sempre bem-vindas e fundamentais para a evolução e o sucesso da marca, ainda mais em um setor em constante crescimento, como o e-commerce.

Leia também: Importância dos testes A/B para e-commerce

Gostou desse artigo? Não esqueça de avaliá-lo!
Quer fazer parte do time de articulistas do portal, tem alguma sugestão ou crítica?
Envie um e-mail para redacao@ecommercebrasil.com.br

Você recomendaria esse artigo para um amigo?

Nunca

 

Com certeza

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

CADASTRE-SE EM NOSSA NEWSLETTER