Para quem o split de pagamento é indicado?

por Cesar Tonetti Sexta-feira, 20 de agosto de 2021   Tempo de leitura: 20 minutos

Com o dinamismo atual do mercado varejista, os vendedores têm ainda mais possibilidades de receber os pagamentos de seus pedidos. Uma solução altamente positiva é o split de pagamento. No entanto, por ser algo novo, muitos ainda não sabem se é um tipo indicado para eles.

A tecnologia tem mudado vários setores, que agora passaram a automatizar ações e a investir mais em sistemas inovadores. O ramo de e-commerce já está ligado diretamente aos avanços tecnológicos em sua essência. Afinal, trata-se de um tipo de transação comercial que utiliza equipamento eletrônico para suas atividades principais.

O marketplace, que é um e-commerce, é um exemplo. Já que se trata de uma plataforma que integra vários lojistas e compradores em um só espaço. Assim, a tecnologia possibilita que inúmeras transações de pagamento sejam feitas diariamente.

Mas, afinal, como isso acontece? Para onde vai esse dinheiro? Neste texto, vou te ajudar a entender como funciona o sistema de split de pagamento. Além disso, será possível entender se ele é indicado para o seu negócio. Continue lendo!

Como funciona o split de pagamento e seu mercado

O split de pagamento é um conjunto de APIs que tem como propósito promover o gerenciamento financeiro nas vendas realizadas por um e-commerce, por exemplo. Tudo é feito em uma mesma plataforma, mas o sistema permite que os negócios envolvidos nas intermediações de pagamentos dividam as comissões.

Trata-se de uma solução que separa uma transação em várias partes recebedoras. Sua função é garantir que cada participante do negócio de uma venda receba seu valor respectivo. A separação desses valores é feita em porcentagem ou em dinheiro, e cada valor é repassado ao recebedor por contas separadas.

O maior objetivo dessa aplicação é justamente que todos os envolvidos recebam a sua parte daquela venda sem nenhum erro ou falha. Ou seja, as comissões são repassadas de acordo com cada valor definido.

Vale destacar que, embora haja essa movimentação por trás do pagamento conferido no ato da compra, o cliente final só recebe uma única cobrança em sua fatura, com um único valor. Então, o split de pagamento realiza as divisões de cada comissão e repassa o montante, mas nada interfere na compra do cliente.

Veja um exemplo:

Imagine um marketplace. São diversos lojistas que oferecem vários produtos, certo? Um único consumidor compra vários produtos de vendedores diferentes em uma compra só. Nesse caso, ele não pagaria várias cobranças na sua fatura, mas apenas uma. Porém, o valor repassado seria dividido e enviado a cada respetivo envolvido.

Quais são os benefícios do split de pagamento

Entendido o que é um split de pagamento, é preciso que você saiba também os inúmeros benefícios que a aplicação confere aos profissionais do e-commerce. Um deles que precisa ser considerado antes de tudo é a credibilidade para quem está comprando, bem como para quem vende.

Falarei sobre isso e outras vantagens mais abaixo:

Lançamentos automáticos

Com a implementação do split de pagamento a necessidade do repasse de pagamentos é eliminada, pois os lançamentos são automáticos. Isso impacta diretamente na otimização de tempo dos processos de compra e venda, uma vez que se fosse necessário lançar cada venda de forma manual as ações seriam lentas.

Além de maiores chances de serem demorados, é preciso saber que lançamentos manuais estão sujeitos a falhas em grande proporção. E isso é totalmente evitado com esse tipo de aplicação.

Controle de pedidos

O cliente faz um único pagamento para comprar mais de um produto e consegue saber exatamente em que vendedor realizou cada compra. Da mesma forma, o lojista saberá exatamente quais produtos está vendendo e quanto recebe por cada um deles, como se a venda tivesse sido realizada em um site próprio.

Ou seja, o controle de pedidos é uma grande vantagem, uma vez que é possível acompanhar e identificar todas as transações dos recebimentos, processados, em andamento e cancelados. Isso porque o split de pagamentos oferece suporte para visualização deste recurso.

Redução de erros

Como trata-se de uma aplicação que automatiza as funcionalidades, a divisão de valor é feita de modo automático, assim como os repasses. Isso significa dizer que não há intervenção manual na ação, o que reduz os erros e outras possibilidades de riscos, como atrasos no processo.

Melhoria da eficiência

Por falar em redução de erros, o split de pagamento melhora a eficiência das transações, otimizando tempo e recursos. Ele facilita para quem está comprando e isso também impacta diretamente no aumento da taxa de conversão.

Ou seja, os consumidores se sentem mais estimulados a comprar quando há a possibilidade de aquisição com pouca burocracia, conferindo redução de cliques até o processo final. Ao passo que também impacta positivamente em um processo tributário, evitando a bitributação com o gerenciamento dos pagamentos.

Transparência

A aplicação é assertiva e possibilita transparência para todos os envolvidos nas transações. E, normalmente, essas soluções de split de pagamento oferecem uma boa plataforma com dashboard funcional e com informações úteis para os processos de compra e venda.

Algumas dessas opções são justamente de poder saber quem está comprando e quando. Assim, torna-se possível controlar com eficiência e praticidade os estoques de produtos.

Além disso, como mencionei, os compradores também têm transparência no processo, uma vez que sabem exatamente de quem estão comprando.

O que todo split de pagamentos deve ter

Não é porque uma solução parece milagrosa, que você vai sair comprando qualquer uma, certo? É fundamental analisar as opções disponíveis no mercado para saber qual é aquela que vai realmente suprir o que o seu negócio precisa. No caso do split de pagamentos, separamos a seguir alguns critérios que devem ser considerados na hora de escolher a melhor ferramenta para sua empresa:

Segurança nas transações

Como é preciso transmitir segurança para todos os envolvidos no processo comercial, o split deve garantir que as regras criadas para a divisão de valores sejam aplicadas corretamente. Oferecer um ambiente seguro contribui para o crescimento da base de vendedores, passando credibilidade e atraindo mais lojistas para o seu negócio.

Parametrização de regras

A solução precisa incorporar de maneira fácil qualquer regra de recebimento, ou seja, split de pagamentos para boletos, pagamento presencial ou digital devem funcionar da mesma maneira. O mesmo vale para a alteração das regras sobre a liquidação das transações e a política de cobrança de comissionamento.

Dashboard de fácil operação

Como um dos objetivos do split é facilitar a gestão financeira, ele deve contar com um painel de controle intuitivo e prático de operar. De preferência, que permita a visualização e a gestão de todos os processos de venda, que identifique os valores corretos de cada parte envolvida e que dê acesso a informações que ajudem na tomada de decisão para o desenvolvimento da empresa. Tudo isso deve estar disponível para os parceiros também, ressaltando a importância da transparência para o negócio.

Registro das transações em tempo real

Esse tipo de função aumenta a confiança dos vendedores na empresa, colabora para um melhor controle das movimentações e auxilia a ter uma percepção mais clara sobre os valores que cada envolvido irá receber, facilitando ações futuras.

Integração com outras soluções

Um split de pagamento completo deve permitir a integração com outras soluções de maneira simples e prática, pois, dessa forma, permite que todas as suas funcionalidades sejam usadas na íntegra, o que otimiza a gestão da sua empresa.

Split de pagamento: para quem é indicado? 

De maneira direta, para todos. E isso é independentemente do tamanho ou modelo de negócio. Afinal, como vimos, ele permite que transações financeiras digitais possam envolver mais de um recebedor. Por isso, o uso dessa aplicação digital é indicado para qualquer empresa que lida com negociações envolvendo mais de um negócio.

Portanto, posso destacar que o split de pagamento pode abarcar:

  • E-commerces;
  • Marketplaces;
  • Lojas online;
  • Marketplaces de serviço;
  • Franquias.

Da mesma forma, é indicado para quem quer otimizar a gestão financeira; automatizar a funcionalidade de compra e venda; tornar a experiência do usuário mais prática, transparente e segurA; evitar erros com pedidos e controlar e maximizar as vendas.

Em que momentos o split de pagamento é utilizado? 

Até aqui, você viu sobre como funciona, quais as vantagens e para quem é indicado o uso do split de pagamento, certo? Abaixo, veja como e quando ele é usado na prática:

Compras realizadas em diferentes unidades ou estoques, como em marketplaces ou estabelecimentos com mais de um fornecedor, por exemplo, Magazine Luiza, iFood e Mercado Livre;

  • Quando a compra envolve mais de dois vendedores;
  • Em casos de Marketplaces com custódia;
  • Se a venda for online com a retirada na loja física;
  • Em redes de restaurante;
  • Marketplaces de serviço, como Uber, Workana e Airbnb;
  • Sites de hospedagem ou passagem para viagens.

Como escolher a melhor ferramenta para a sua empresa

Antes de decidir adotar uma ferramenta como split de pagamento é importante que algumas questões sejam consideradas. Afinal, trata-se de um investimento que deve ser benéfico e não o contrário, certo? Ou seja, a ferramenta precisa suprir as necessidades da sua empresa.

Por isso, veja alguns critérios necessários que devem ser considerados na hora de escolher a melhor aplicação para o seu negócio:

Segurança nas transações

A segurança em qualquer transação financeira é de extrema importância. Por isso, é fundamental que o split de pagamento seja capaz de repassar dados seguros para todos os envolvidos no processo, garantindo que todas as regras sejam seguidas à risca para a divisão de valores combinados.

Então, esteja atento às funcionalidades para que a aplicação proporcione um espaço seguro aos envolvidos. Isso impacta diretamente no crescimento e atração de mais clientes para o seu negócio, passando credibilidade nas operações.

Automação da transação

Automatizar as transações é um importante recurso quando falamos sobre um split de pagamentos, uma vez que é uma aplicação voltada para realizar lançamentos e repasses automáticos. A integração de sistemas internos é uma forma segura de lidar com negociações que incluem mais de um recebedor.

Afinal, como vimos, isso reduz erros e falhas de trabalhos manuais. Por isso, a ferramenta precisa ser totalmente capaz de suprir esse gerenciamento e repasse de comissões para todos os envolvidos no processo, de forma ágil, inteligente e eficaz.

Customização de regras

Um split de pagamento deve seguir todas as normas e condutas necessárias para incorporar o recebimento corretamente. Por isso, ele precisa ser capaz de realizar a divisão certa para todos os meios de pagamento disponíveis, seja por boletos, à vista presencialmente ou no digital. Ele deve garantir a transação da mesma forma.

Isso também é válido para casos de ajustes nas regras em relação à liquidação das transações e política de cobrança de comissão.

Dashboard de fácil operação

Um dos principais propósitos da implementação de uma ferramenta de split de pagamento é a eficiência e otimização dos processos. Com isso, não seria nada útil que a plataforma oferecesse um painel complexo, não muito claro ou difícil de manusear.

O ideal é que tenha dashboard fácil, que permita as operações de forma prática, clara, rápida e com controle intuitivo. Ou seja, que possa permitir a visualização dos dados e proporcionar uma melhor gestão das vendas, identificando valores de cada parte e oferecendo informações que sejam úteis à tomada de decisão.

Vale ressaltar que essas características são importantes para todos os envolvidos nas transações, o que também ajuda a manter a transparência do negócio.

Registro das transações em tempo real

Se automatizar lançamentos e repasses de forma segura e sem erros é um dos principais recursos esperados de um split de pagamento, o registro das transações em tempo real é fundamental para que essas funções sejam controladas. Além de aumentar a confiança dos vendedores, contribui para uma gestão ativa quanto às movimentações.

Isso significa dizer que o fornecimento de dados sobre as negociações financeiras em tempo real permite mais clareza sobre as comissões para todos os envolvidos. Dessa forma, é possível mensurar as ações, acompanhar os dados e otimizar práticas futuras.

Capacidade de conciliação

Outro ponto muito importante para uma transação com excelência por meio de uma ferramenta de automação é a capacidade de conexão e sincronismo. É preciso que haja uma sólida conciliação entre a plataforma de marketplace, por exemplo, e todas as aplicações envolvidas.

Isso é o que vai garantir a comunicação direta entre as contas de cada um, assim como bancos e operadoras. Ou seja, é preciso que o processo seja ágil, prático, seguro, dinâmico e que proporcione uma boa conciliação de todas as informações.

Integração com outras soluções

Por falar em sincronismo, um bom split de pagamento precisa ser capaz de se integrar com outras soluções de forma eficiente, prática e simples. Afinal, o ideal é que haja maior dinamismo nas operações, otimização do tempo e eficácia no gerenciamento das vendas.

E é o que uma boa integração com outras aplicações pode proporcionar, pois deve permitir que todas as funcionalidades possam ser aproveitadas e usadas de forma integral, auxiliando nas atividades internas da sua empresa.

Por fim, não é novidade que o avanço tecnológico tem sido a ponte para inúmeras melhorias em diversos setores. No mercado de e-commerce, acaba por proporcionar crescimento a quem vende e uma boa experiência ao usuário final. Ou seja, os progressos são impactantes para todos os lados.

O split de pagamento é uma ferramenta que só acrescenta otimização, redução de erros e, muitas vezes, minimização de custos precedidos por falhas manuais, mais segurança para todos os envolvidos, automação de processos e transações eficientes.

Isso acaba por impactar também na maior conversão de vendas, uma vez que quanto mais prática for a modalidade de compra de mais de um produto de vendedores diferentes em um só lugar, por exemplo, maior será a prospecção de consumidores interessados.

Portanto, ressalto que contar com uma plataforma que fornece essa solução, como o split de pagamento, permite uma melhor gestão do repasse de comissões, mais comodidade a todas as partes, além de evitar a bitributação de pedidos.

Gostou desse artigo? Não esqueça de avaliá-lo!
Quer fazer parte do time de articulistas do portal, tem alguma sugestão ou crítica?
Envie um e-mail para redacao@ecommercebrasil.com.br

Você recomendaria esse artigo para um amigo?

Nunca

 

Com certeza

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

CADASTRE-SE EM NOSSA NEWSLETTER