O frete como ferramenta para o marketing da loja virtual

por Paulo Henrique Dias Segunda-feira, 05 de abril de 2021   Tempo de leitura: 10 minutos

Já parou pra pensar como o frete pode ser parte de suas estratégias para o marketing da loja virtual? Quanto mais o e-commerce brasileiro cresce, maior a importância de ações relacionadas ao envio dos produtos, especialmente para os consumidores que moram longe dos grandes centros.

Termos como “frete grátis” ou “frete mais barato” estão entre os mais buscados pelos consumidores. De fato, adotar esse tipo de abordagem pode trazer resultados rápidos e amplificar o alcance da sua marca. Mas será que é viável para seu negócio?

A seguir, entenda a importância de usar o frete como instrumento para o marketing da loja virtual e saiba como colocar em prática essa estratégia.

Marketing da loja virtual: o que o frete tem a ver com isso?

Qualquer ação que vise atrair público para o seu negócio pode ser transformada em uma estratégia de marketing da loja virtual. Quando falamos de e-commerce, questões relacionadas ao frete sempre chamam a atenção do consumidor. Não é de se estranhar, portanto, que pesquisa do E-commerce Trends tenha mostrado que cerca de 80% dos abandonos de carrinho são causados pelo valor da entrega.

Se o frete é uma das maiores dores do cliente de e-commerce, usá-lo como uma maneira de destacar positivamente sua loja virtual desponta como uma atitude estratégica. Ainda mais em um mercado cada vez mais competitivo, que cresceu 75% entre janeiro e dezembro de 2020, em comparação a 2019, de acordo com o Mastercard SpendingPulse.

Muitos lojistas não se dão conta do impacto que o frete tem em suas operações e, por isso, acabam não vendo o retorno esperado nas demais estratégias de marketing executadas por seu negócio. Incentivar a cooperação entre as áreas de logística e marketing da empresa é muito importante quando analisamos o quanto o trabalho de uma afeta o resultado da outra.

Por exemplo: por mais bem-sucedidas que sejam as campanhas de marketing para trazer visibilidade à marca ou para atrair leads, o esforço pode ser barrado pela falta de atenção às estratégias de fretes. Como vimos, o valor da entrega é o maior motivo de abandono de carrinho. Sendo assim, como lidar com esse impasse? Criando estratégias conjuntas!

Como usar o frete nas suas estratégias de marketing?

Frete faz parte dos custos do e-commerce, não tem jeito. Poucas são as empresas grandes o suficiente para bancar estratégias de frete grátis por longos períodos, justamente porque o valor da entrega pesa na conta. Dessa forma, o primeiro passo antes de traçar campanhas de frete como marketing da loja virtual é ser realista.

Ações relacionadas a frete são eficientes e geram resultados, mas devem ser executadas com estratégia de maneira pontual. Tudo o que você não quer é prejudicar a saúde financeira do seu negócio tentando dar um passo maior do que o orçamento permite.

Sendo assim, o que pode ser feito? Essas são as estratégias usando o frete para marketing da loja virtual mais usadas pelo e-commerce:

Frete grátis em ocasiões especiais

O frete grátis causa bastante impacto – tanto na atração de clientes quanto nas contas da empresa. Usá-lo como um diferencial competitivo em ocasiões especiais é uma ação inteligente. Por exemplo, o Dia do Frete Grátis (em 26 de abril), o Dia do Consumidor (em 15 de março) e a Black Friday (final de novembro) são ocasiões onde essa estratégia pode ser colocada em prática para destacar sua loja virtual.

Faça uma análise das contas da empresa, do ticket médio e da expectativa de vendas na data antes de bater o martelo. Se os números forem favoráveis, essa pode ser uma ação que vai projetar sua marca.

Frete fixo para determinado locais

Outra estratégia de frete que pode ser usada como parte do marketing da loja virtual é o frete fixo, que consiste em estabelecer um valor único cobrado nas entregas.

Geralmente, adota-se essa ação para pedidos feitos dentro da região ou estado onde o e-commerce se localiza. Isso porque, além de o frete ser mais barato, é mais fácil fazer as contas para se chegar a um valor médio dos custos.

Recomenda-se que a estratégia de frete fixo seja executada por um determinado período e com um objetivo bem claro em mente. Se a sua intenção é ganhar mercado regionalmente, essa pode ser uma ação eficiente.

Frete grátis para pedidos acima do ticket médio

Considere o ticket médio da sua loja virtual e veja a possibilidade de oferecer frete grátis em compras acima desse valor. Embora seja muito tentador, é necessário contar com suporte do departamento financeiro para garantir que as contas fecham.

Novamente, é comum que essa estratégia seja adotada apenas para pedidos regionais ou estaduais – pois o frete é mais barato e mais previsível. Porém, nada impede que ela seja adotada para todo o país (por um certo período) se a saúde financeira do negócio e os ganhos esperados assim o permitirem.

Frete econômico e frete expresso

Quando falamos de frete para e-commerce, logo vem à mente questões como a gratuidade da entrega ou preços mais baixos. Mas a rapidez no envio e o oferecimento de mais de uma opção de transporte também são excelentes estratégias de marketing da loja virtual.

Uma pesquisa interessante da consultoria PwC mostrou que 40% dos consumidores de e-commerce estariam dispostos a pagar um pouco mais caro para terem suas encomendas entregues o mais rápido possível. Portanto, é muito importante que sua loja virtual ofereça a opção de frete expresso para o cliente.

Aliás, quanto mais alternativas de frete forem oferecidas, mais satisfeito o cliente tende a ficar, pois ele terá a liberdade de escolher aquele que melhor se adequa às suas necessidades.

Para ajudar o lojista nessa questão, há plataformas de cotação e compra de frete no mercado. Esse tipo de serviço possibilita a pesquisa em diversas transportadoras e, em muitos casos, pode até ser integrado à sua loja virtual ou ao marketplace no qual você atua. Vale a pena pesquisar a respeito.

Integração entre áreas: o segredo do sucesso

Como você viu, ações de impacto envolvendo frete e marketing da loja virtual não faltam. O que vai determinar o sucesso delas é a integração entre as áreas da empresa. Gestão, marketing e logística precisam trabalhar juntos se quiserem usar o frete de maneira mais estratégica.

Essa sintonia se faz necessária porque as ações de uma área afetam diretamente as demais. Além disso, quando o marketing, por exemplo, entende os pormenores da complexidade que é estruturar uma ação de frete grátis, o setor pode comunicar a estratégia de maneira muito mais poderosa.

Da mesma maneira, quando a gestão logística percebe que o trabalho do marketing para e-commerce está surtindo efeito e que ações de frete grátis (ou frete fixo) podem ser financeiramente viáveis pelo volume de vendas que trazem e a projeção que causam, as chances de as próximas ações serem ainda mais assertivas são maiores.

Por fim, cabe à gestão estabelecer essa ponte e garantir que a empresa estará preparada para dar conta das operações que chegarem quando as ações começarem a surtir efeito. Trabalhando de maneira integrada, toda a empresa tende a ganhar. E o cliente ganha junto.

Você recomendaria esse artigo para um amigo?

Nunca

 

Com certeza

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

CADASTRE-SE EM NOSSA NEWSLETTER