O e-mail marketing está mudando de novo! E agora?

por Rodrigo Mesquita Sexta-feira, 26 de abril de 2019   Tempo de leitura: 6 minutos

Entra ano, sai ano e sempre escutamos notícias e perguntas sobre o fim do e-mail, a substituição por outros canais, entre outros questionamentos. Apesar deste contexto, o que vemos na prática é um crescimento e fortalecimento do canal, ano após ano.

Temos vários materiais sobre isso em nosso blog, mas uma coisa é inegável: apesar do e-mail não estar em declínio, ele está mudando! Sempre! Ao meu ver, isso faz o canal continuar crescendo e evoluindo, o que é bom para os bilhões de usuários de caixas de e-mail e ótimo para quem faz e-mail marketing de qualidade.

De fato, estamos entrando em uma nova era, muito interessante e inteligente. Nós a chamamos de “Era da Confiança”. Como você pode ver na figura abaixo, essa não é a primeira (e certamente não será a última) “era do e-mail”.

Fonte: Return Path

Depois da “Era do Conteúdo” e as populares listas de “palavras SPAM”, entramos na “Era da Reputação”. Nela, surgiram as autenticações como SPF e DKIM. Atualmente estamos saindo da “Era do Engajamento” e migrando para a “Era da Confiança”. O que conta agora é o que chamamos de Engajamento Relativo, abastecido por Inteligência Artificial e Aprendizado de Máquina.

Mas é aí que você me pergunta: o que é Engajamento Relativo e como ele afeta minha entregabilidade?

Basicamente, quando um cliente decide, por exemplo, não abrir seu e-mail e abrir outros que estão em sua caixa de entrada (seja de seus concorrentes, ou de outras indústrias), esse cliente está passando uma mensagem para o Provedor de Caixa de Entrada sobre o enviador (você).

Isso determina um perfil de engajamento relativo. Claro que, como todo processo de aprendizado de máquina, esse comportamento precisa se repetir várias vezes. A cada repetição, o provedor ajusta o perfil de engajamento relativo deste cliente.

Baseado neste perfil, uma mesma mensagem, entregue pelo mesmo IP e Domínio pode parar na Caixa de Entrada do “Cliente A” e no SPAM do “Cliente B”. Complexo? Com certeza, mas também muito inteligente. A imagem abaixo explica o funcionamento deste processo

Fonte: Return Path

Esses são os perfis de engajamento possível para trabalhar com e-mail marketing:

● Engajados: são os clientes que abrem suas mensagens e também as de outros enviadores;

● Leais: são os clientes que abrem suas mensagens, mas não abrem de outros enviadores;

● Potenciais: são os clientes que abrem as mensagens de outros enviadores, mas não as suas;

● Desinteressados: são os clientes que não abrem nem as suas mensagens nem as de outros enviadores.

Você recomendaria esse artigo para um amigo?

Nunca

 

Com certeza

 

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.