Acesso rápido

Quanto movimenta o universo Geek na internet?

por Carlos Júnior Sexta-feira, 25 de agosto de 2017   Tempo de leitura: 3 minutos

Poder de consumo e, claro, a paixão por certas excentricidades definem os geeks. Mas espere um momento. Quem são os Geeks? O que pensam? Como vivem? Quanto movimenta este universo na internet ultimamente?

Calma, vamos por partes. Primeiramente, a palavra Geek, é de origem inglesa, trata-se de uma definição de um grupo de pessoas ou de um indivíduo, que tenha por gosto – ou melhor, gosto, não, paixão! Não, ainda não é esta a palavra adequada. Amor intenso, loucura, verdadeira obsessão (agora sim) por games, quadrinhos, jogos de tabuleiros, desenhos animados, filmes, séries, dentre outros conteúdos que mexam com a cabeça deste público (idades entre 18 e 35 anos, sendo 70% homens e 30% mulheres).

Antes que você se pergunte, se é que já não está com a pergunta em mente, este público não tem uma idade específica. São jovens, crianças e adultos que se divertem com estes conteúdos, promovendo inclusive feiras e exposições que reúnem milhares de pessoas anualmente. Prova disso é a Comic Con Experience, um dos eventos mais conhecidos do setor que só este ano, no Brasil, levou mais de 140 mil pessoas a uma de suas feiras em Recife – PE. Segundo a organização do evento, só em 2016, quando foi realizada a segunda edição do evento, o público já havia crescido 80%.

Se no mundo real, as coisas avançam cada vez mais, no virtual, não é diferente. O mercado e-commerce de camisetas, bonés, baralhos, games, séries, filmes, fantasias e tudo mais que possa estar relacionado a este mercado, tem crescido muito.

Estes jovens e adultos, de tão apaixonados que são por seus filmes, livros, personagens, séries, brinquedos, games e outros conteúdos, são capazes de guardar mês a mês grandes somas de seus salários para comprarem camisetas, games, quadros, ingressos para shows e festivais, exposições e até mesmo itens raros, itens de colecionador, para satisfazerem suas paixões.

Então dá dinheiro?

Sim, e como! Alguns e-commerces de produtos geek chegam a lucrar mais de R$ 300 mil por mês com materiais relativos à hobbies, acessórios, camisetas de múltiplas estampas e tudo mais que contemple o universo desta turma. Somando todos os valores no segmento, a cifra passa dos milhões.

Filmes como a Saga Star Wars, Harry Potter, O Senhor dos Anéis, Game of Thrones, Guardiões da Galáxia Volume 2, Transformers, desenhos animados como o do Goku, séries como The Big Bang Theory, todos os super-heróis da Marvel, dentre outros, representam um público fiel que discute, acompanha e compra fielmente tudo que envolva este nicho de mercado.

Atualmente, os produtos do universo nerd mais vendidos na internet são pen drives, cosplay (fantasias), bolsas, livros, games, colares, canecas e copos, capas para celular, bonés, camisetas estampadas, chaveiros e claro, miniaturas e bonecos de personagens dos filmes, HQ’s e séries famosas de televisão.

A princípio, calcula-se que um e-commerce em fase inicial neste segmento, caso conte com uma boa campanha de divulgação dentre o público do mercado, pode ter um faturamento que varia entre R$ 8 e R$ 15 mil reais por mês. Bazinga!

Você recomendaria esse artigo para um amigo?

Nunca

 

Com certeza

 

Deixe seu comentário

0 comentário

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.