Projeto mantido por:

Lojas de roupas online: o que saber antes de abrir uma (5 dicas)

por Daniel Silva Segunda-feira, 25 de abril de 2016

Outro dia uma pessoa conhecida me disse que estava super empolgada com o projeto dela, iria abrir uma loja de roupas online. Não que a minha intenção seja sempre dar uma de bummer quando tocam no assunto “lojas de roupas online”, mas eu realmente não entendo porque as pessoas acreditam que abrir uma loja online nesse segmento é como uma receita milagrosa para o sucesso.

Para falar a verdade, eu até entendo de certa forma como muitas pessoas são atraídas, haja vista a disparidade entre o número de matérias que apontam o sucesso de lojas online e o fracasso.

Eu sou proprietário de uma loja de roupas online e nesse artigo resolvi dar algumas dicas para você que pensa em entrar nesse ramo.

Antes de dar as minhas dicas propriamente ditas sobre lojas de roupas online, recomendo que você leia as matérias presentes na edição 54 da revista Meu Próprio Negócio.

Abrir uma loja online de roupas é um negócio tão complexo como qualquer outro negócio? Não, não é. Abrir uma loja online de roupas envolve uma série de elementos que muitas vezes não estava no script e se você não tiver o jogo de cintura e a perspicácia necessários para se virar nos 30, as chances de falência simplesmente explodem.

Não é preciso pensar em uma loja online do tamanho da Dafiti para achar que apenas eles estão susceptíveis a percalços relevantes. E olha que nunca me dei bem com a pecha do “senhor apocalíptico” ou “afugentador de concorrência”.

Mas é que no negócio de e-commerce muitas lojas virtuais (principalmente lojas de roupas online) tendem a apresenta faturamentos relevantes de brilhar os olhos, mas nunca se sabe ao certo se o negócio realmente atingiu o break even.

Dica #1 para Lojas de Roupas Online: gastar é o melhor para poder crescer

A minha primeira dica é: não se preocupar em gerar um faturamento muito alto de imediato se o caixa não for suficiente para comportar os gastos da sua loja online.

Ainda que muitos empreendedores visem criar um faturamento estrondoso logo nos primeiros anos do negócio por diversos motivos, seja para mostrar a um potencial investidor anjo ou fundo de investimento que o seu negócio é viável ou para ganhar mercado imediatamente sob a prerrogativa de não dar espaço à eventual concorrência no seu nicho, as chances de perder muito dinheiro são igualmente consideráveis.

Geralmente, a ansiedade está ligada ao ato de destinar rios de dinheiro com marketing pago (Adwords, Facebook Ads, publieditorial etc) e aí, em algum determinado ponto da sua trajetória, o empreendedor é forçado a reconhecer que o fim dos recursos estão a um passo de selar o fechamento do negócio.

Dica #2 para Lojas De Roupas Online: síndrome do temos todos os estilos

Abarrotar o estoque com peças de todos os tamanhos, cores, marcas etc. Ruptura é um termo usado no mercado para se referir a um ato no qual uma empresa emprega recursos para trazer uma pessoa a sua loja online e na “hora h” ela não tem o produto. Têm se, então, dinheiro jogado no lixo.

O problema com essa preocupação excessiva é que no caso de lojas de roupas online, os proprietários de e-commerce de moda alocam muito dinheiro em estoque e aí quando o capital de giro começa a faltar começam a toma decisões absurdas com o desespero de não ter o dinheiro suficiente para honrar os compromissos.

Os primeiros atos são normalmente: fazer “saldão” e queimar boa parte da sua margem de lucro por peça, não enxergar nas mercadorias uma moeda de troca com pessoas influentes do setor (permuta) e, por fim, não realizar ações específicas direcionadas a apenas um produto que infla o estoque. Balancei o estoque à necessidade de ter os produtos disponíveis todo santo dia.

Dica # 3 para Lojas de Roupas Online: estipule metas de crescimento

Um erro que cometemos com a moy mony em 2013 foi não definir onde gostaríamos de estar nos anos seguintes. Foi apenas após erros e tropeços que começamos a definir metas para serem batidas no longo prazo.

Apesar de trabalharmos para manter a operação funcionando e as vendas ocorrendo no curto prazo, parte do nosso tempo é focado em melhorias como inundar o blog da nossa loja online com textos que esperamos coletar consumidores via Google e outros motores de busca ao longo da nossa existência.

Dica #4 para lojas de roupas online: acompanhe as mudanças de tendências no segmento de e-commerce

Outro dia estava assistindo um vídeo de 2013 em que empreendedores se aventuraram no negócio de bijuterias online. Com um investimento em torno de 200 mil reais, eles vislumbravam um negócio altamente rentável e começaram a colher frutos, leia-se as vendas começaram a acontecer – não divulgaram o lucro líquido.

Interessado na loja online em questão, fui pesquisar a respeito e descobri que infelizmente ela não existe mais. Não fiquei tão chocado conhecendo o índice de mortalidade nesse segmento. Especulação minha, suspeito que não houve monitoramento das mudanças de tendência no segmento de e-commerce.

O que acontece é que nessa indústria as coisas funcionam mais ou menos assim. Um exemplo. Você descobre que linkbuilding é a sensação do momento e gasta rios de dinheiro com sites de moda apontando para a sua loja de roupas online. Você atinge um número de 200 backlinks apontando para a sua loja virtual e crê piamente que o investimento valeu ou valerá apena.

Até que, em determinado momento, você capta que aqueles apontamentos conquistados trouxeram certo tráfego à loja, mas não o suficiente para manter o negócio operando, já que as vendas não estão conseguindo dar conta dos gastos. Talvez fosse interessante você mudar a estratégia e optar por aumenta o volume de tráfego via blog, porém serão necessários mais dois ou três anos para captar os resultados e até lá, como é que ficam os gastos fixos mensais?

Dica #5 para lojas de roupas online: reserve tempo para atualizações

Ainda fazendo um ganho com a última dica, e não querendo puxar o saco do pessoal do E-Commerce Brasil, mas já puxando, é crucial que você fique ligado em dicas de blogs e sites do setor para se manter atualizado diariamente quanto a assuntos do segmento de e-commerce.

Isso é válido não apenas para um proprietário de uma loja de roupas online, mas para todos os donos de lojas online. Aqui você encontra diversos artigos de pessoas extremamente competentes e cooperativas.

Acesse os meus outros artigos sobre lojas online. Recentemente iniciei uma série de textos falando sobre como montar o plano de negócios da sua loja online e logo-logo darei continuidade. Aproveite para ler enquanto os outros posts não saem do forno. Boa leitura!

Você recomendaria esse artigo para um amigo?

Nunca

 

Com certeza

Deixe seu comentário

3 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

CADASTRE-SE EM NOSSA NEWSLETTER