A importância do blockchain e chatbot no marketing digital

por Fábio Malheiro Barreto Quarta-feira, 20 de fevereiro de 2019   Tempo de leitura: 6 minutos

Você sabe o que é blockchain? Já ouviu falar? Sabe como isto pode impactar seu dia a dia e seus negócios no varejo? Talvez a primeira coisa que venha à sua mente seja o bitcoin, mas o blockchain vai muito além das criptomoedas.

O risco de fraudes nas transações é reduzido com o blockchain

Blockchain

O conceito blockchain (cadeia de dados) foi desenvolvido para dar mais segurança às transações digitais, já que atua na transferência de valores através da internet, onde todas as operações realizadas são armazenadas em um livro de registro, e não podem ser modificadas e nem manipuladas.

Como o blockchain elimina intermediários, as transações acontecem em tempo real, com menos custos e sem perder a qualidade de segurança, já que elas podem ser verificáveis e auditáveis. O risco de fraudes é reduzido por meio de contratos inteligentes. A estrutura é criptografada e fica registrada por tempo indeterminado.

Engana-se quem pensa que esta tecnologia se aplica apenas às finanças – ela pode ser utilizada em qualquer processo de validação de dados, como é o caso do marketing digital. Ganham as empresas, ganham os consumidores.

Exemplos:

  • Pela segurança que oferece, o blockchain possibilita que as marcas tenham uma interação mais transparente com seus seguidores e consumidores.
  • Com o blockchain, quando um usuário procura informações específicas na internet, ele pode selecionar a quantidade de dados que ele quer que seja revelado aos anunciantes. Nesse caso, ao contrário de outros serviços de marketing, o usuário será compensado pelos seus dados. O usuário pode até “vender seus dados” diretamente ao anunciante.
  • A publicidade online é complexa quando se trata de garantir que a mídia seja comprada e entregue. As empresas de verificação de fraudes irão utilizar o blockchain para impedir que bots fraudem anúncios. Será possível verificar quem, como e onde os anúncios são exibidos.
  • Os profissionais de marketing digital poderão ver se os seguidores de um determinado influenciador digital são pessoas reais ou bots. Isso irá inevitavelmente reduzir o número de influenciadores, mas irá deixar somente aqueles que tem real seguidores e real engajamento.

O blockchain já é uma realidade no varejo. Em 2017, por exemplo, o Carrefour Brasil e a IBM se uniram à rede de alimentos BRF para o projeto Food Tracking, que rastreou produtos por meio de blockchain. O objetivo foi que o consumidor tivesse acesso, de maneira simples e objetiva, à procedência dos alimentos, considerando todas as etapas do negócio: produtiva, comercial e logística.

Chatbot

Outro destaque do varejo é o chatbot, que vem ganhando cada vez mais relevância. Afinal, para atender as exigências do público consumidor, as empresas estão sempre em busca de inovações e um melhor relacionamento com os clientes, que obviamente interferem no processo das vendas.

Para que ainda não conhece o chatbot, trata-se de uma forma de interação muito positiva, já que amplia o alcance e a comunicação com o usuário, por ser um programa de computador que simula uma conversa humana.

Na comunicação com o usuário, o chatbot funciona baseado em palavras-chave com respostas pré-programadas ou de forma mais complexa, onde as respostas tendem a ser precisas e de forma não programada. Esse tipo de ferramenta usa a inteligência artificial e abre um canal de comunicação para interagir de forma instantânea e simultânea, e tem sido usado em várias empresas para atender, dar informações e vender produtos.

No setor financeiro podemos destacar os chatbots do Itaú – chamado de Alaor, que atua como consultor financeiro – e do Bradesco – que tem a BIA (acrônimo de Bradesco Inteligência Artificial) para solucionar as mais variadas dúvidas e problemas dos clientes 24 horas por dia, sete dias por semana.

Que tal, então, disponibilizar um chatbot para atender seu público? Esta é uma tendência que veio para ficar. Vale refletir de que forma isso pode criar uma relação mais estreita com os clientes, impacta-los de forma positiva, promover a fidelização e impulsionar as vendas.

Você recomendaria esse artigo para um amigo?

Nunca

 

Com certeza

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.