Acesso rápido

Hero Images: o diferencial de ter informações nas imagens dos produtos

por Franklin Lucas Quarta-feira, 18 de julho de 2018   Tempo de leitura: 6 minutos

Atenção! Este artigo contém exemplos práticos que qualquer pessoa pode aplicar!

Apesar de o e-commerce crescer tanto ano após ano, as experiências de compra nos meios digitais ainda são muito inferiores ao físico, principalmente em alguns aspectos muito importantes.

O principal fator é o contato com o produto. No meio físico, ele acontece cara-a-cara, muitas vezes com auxílio de um vendedor. No ambiente digital, no entanto, esse contato acontece exclusivamente através do conteúdo.

E para piorar, no meio digital, temos gôndolas gigantescas que têm que caber na tela de um pequeno smartphone e que passam pelos olhos dos consumidores à velocidade da luz. Falando em smartphones, eles já representam mais de 50% do volume de vendas no e-commerce brasileiro, o que mostra um impacto enorme nas vendas online por aqui.

Neste contexto, a imagem do produto é, por muitas vezes, a única chance de comunicar todo seu valor ao consumidor.

Segundo estudos da University of Cambridge, apenas 40% dos consumidores conseguem compreender a gramatura (volume ou peso) e o tamanho de um produto ao visualizar sua foto em uma tela de smartphone. Mas há uma maneira de melhorar esse índice: utilizando imagens Hero.

A hora e a vez das Hero Images

O conceito por trás das Hero Images é simples: utilize imagens com zoom adequado no produto (talvez em seu rótulo) e destaque as suas características principais utilizando banners ao lado da imagem.

Há exemplos sofisticados dessa implementação, mas há também alguns simples e criativos, que você pode criar até mesmo em seu celular. Veja alguns a seguir:

Repare como é fácil saber o número de unidades e o volume das latas no exemplo acima! “Mas, Franklin, não basta colocar essas informações no nome do produto?” NÃO!

Pesquisas mostram que, em uma vitrine digital, o foco da visão do consumidor está, na maior parte do tempo, nas imagens dos produtos. Sabendo disso, é perigoso confiar ao título a função de transmitir todos os detalhes de produtos.

É perigoso apostar apenas no título para transmitir todas as informações dos produtos.

Agora veja algumas fotos de produtos da mesma categoria que mostrei acima:

Aí eu te pergunto: Qual o tamanho da segunda lata? Qual das duas garrafas é long neck? Sim, elas são diferentes.

Como qualquer um pode utilizar as Hero Images?

As Hero Images exemplificadas acima podem ser construídas facilmente em um PowerPoint (ou utilizando a plataforma do Google Drive). Mas dá pra fazer a mesma coisa direto da câmera do seu celular.

Essa semana estive olhando um relógio inteligente (smartwatch) para minha esposa e me deparei com a foto abaixo:

Veja como o vendedor foi esperto: ele fotografou o produto e colocou um pequeno banner (no estilo Instagram), destacando que o relógio é Android.

Essa é uma das características mais importantes que eu buscava quando estava pesquisando por esse tipo de produto. Isso pois várias opções de relógios inteligentes rodam sistemas que não me interessavam. Ou seja, o vendedor aplicou o conceito da Hero até mesmo em uma foto de um produto usado. Perceba como um pequeno banner pode saltar aos olhos!

Em resumo: quando for pensar em e-commerce, pense mobile. A primeira imagem de um produto é a sua melhor chance de transmitir as informações do mesmo. Utilize fotografias com banners (Hero) para otimizar suas vendas.

 

Você recomendaria esse artigo para um amigo?

Nunca

 

Com certeza

 

Deixe seu comentário

0 comentário

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.