Google Shopping: o Santo Graal do ROI positivo para lojas online

por Raphael Lacerda Terça-feira, 17 de março de 2020   Tempo de leitura: 8 minutos

Você, sendo uma marca de comércio eletrônico ou de varejo, chegar à primeira página do Google é maior objetivo para geração de tráfego e para atingir suas metas de marketing. Mas como você pode gerar tráfego de pesquisa para suas páginas de produtos e converter novos clientes com um ROI positivo? O Google Ads e o SEO são canais eficazes para gerar novos clientes. Mas, para marcas de comércio eletrônico e de varejo, há um terceiro canal: o Google Shopping.

Em 2017, 75% de todos os cliques de Google Ads de comércio eletrônico foram feitos por meio do Google Shopping. Desde lá, a plataforma cresceu ainda mais. O que significa que se você não estiver usando, você está deixando dinheiro na mesa.

Embora você ainda pague por cliques, o Google Shopping é comprovadamente um dos menores CPC’s. Além disso, você poderá validar os cliques exibindo seus produtos e preços antes mesmo do usuário clicar. O resultado? Tráfego qualificado com maior probabilidade de conversão.

O que torna o Google Shopping diferente?

O Google Shopping é a coisa mais próxima das vitrines na Internet.

Compradores em potencial podem ver a marca, o modelo e o preço de seu produto antes mesmo de clicar em seu anúncio. Se eles não gostam ou acham que é muito caro, eles passam para a próxima “vitrine”.

Isso é o que um usuário vê ao pesquisar um produto específico:

Na primeira página da busca, o Google Shopping tem um espaço privilegiado

Como otimizar sua campanha e impulsionar as vendas de produtos

A geração de tráfego e clientes novos é o principal objetivo da sua campanha do Google Shopping. É por isso que é importante otimizar suas campanhas o máximo possível. Aqui estão alguns métodos para gerar mais cliques com um CPC (e ROI) saudável:

1 – Otimização de títulos: maximizar as vendas com melhores títulos de produtos

A maneira mais rápida de exibir seu anúncio quantas vezes for possível é otimizar os títulos de seus produtos. Para fazer isso, coloque-se no lugar do seu cliente. Descubra como as pessoas estão encontrando seus produtos em primeiro lugar.

Descubra as consultas de pesquisa mais comuns que levam a um produto específico, clicando em Dimensões> Termos de pesquisa e adicione o vencedor à frente da descrição da sua listagem.

Por exemplo, se você vende roupas e identifica que os usuários de maior conversão buscam o termo “vestido para festa” e seu título está assim: 

“Blusa Azul com Decote” 

Troque pelo termo

“Vestido para Festa Blusa Azul com Decote”

Este é um hack de otimização simples que leva menos de um minuto para ser implementado. E os resultados podem significar milhares de vendas extras para sua loja de comércio eletrônico.

Como fazer isso: o segredo para um ótimo título do produto

Conforme aprendemos no exemplo anterior, não é surpresa que o título do seu produto seja uma das partes mais importantes do seu anúncio.

Ao escrever seus títulos de produtos, há algumas coisas a serem consideradas. Em primeiro lugar, a sua marca é bem conhecida? Se não, não coloque o nome da sua empresa primeiro. O Google lê as descrições dos produtos da esquerda para a direita, por isso, se o seu produto não for imediatamente relevante, é mais provável que ele seja ignorado.

Em segundo lugar, pense no seu mercado alvo. Você está segmentando pessoas que estão fazendo compras abertas ex: “ vestidos para festa“ ou compradores que estão procurando um produto ou modelo específico ex: “marca vestidos para festa” ?

Se a marca do que você vende é forte, modele o seu título com a seguinte hierarquia: “marca + categoria/tipo + outras características(cor/tamanho/material/gênero e outros)”. 

Se a marca não for relevante use “categoria/tipo + outras características(cor/tamanho/material/gênero e outros).”

2 – Encontre seus melhores produtos e segmente-os

Alguns dos seus produtos vendem melhor que outros? Descubra rapidamente esses dados clicando na guia “Dimensões” da sua campanha e selecionando “ID do item”:

Agora você pode ver quantas vezes cada item foi clicado e quantas vezes ele foi comprado

Aqui, você descobrirá produtos com melhor desempenho que outros. A partir daqui, você tem a opção de retirá-los e segmentá-los em suas próprias campanhas.

Isso permite que você aumente seus lances de anúncios individuais e otimize-os para um público específico, gerando mais receita em sua loja como resultado.

3 – Verifique se você está usando imagens de produtos de alta qualidade

As regras de compra do “mundo real” aplicam-se ao Google Shopping. Se algo parece ser de má qualidade, as pessoas não vão comprá-lo. No Google, isso começa com a qualidade das imagens do seu produto.

Se você estiver usando imagens do fabricante, é provável que a mesma imagem esteja sendo usada por uma dúzia de outras lojas no Google. E se o seu produto tiver 10 centavos mais caro, isto pode afetar drasticamente a sua taxa de cliques.

Algo tão simples quanto fotos exclusivas de produtos podem causar uma grande impressão nos compradores. Ele mostra que você fez um esforço e pode ajudá-lo a se destacar de outros resultados nas busca. 

Investir em fotografia de produtos de alta qualidade ajuda você a se conectar com seus clientes em um nível pessoal. Isso aumenta sua credibilidade e maior confiança com seus clientes.

Dica bônus – negative os termos de pesquisa  do Shopping 

A negativação de palavras chaves é importante em qualquer campanha de Google. Não ache que só por que a busca está acionando pelos produtos da sua loja que não existirá termos irrelevantes. Veja o texto que escrevi com dicas para aumentar o ROI usando palavras negativas.

Conclusão

O Google Shopping está mudando constantemente – certifique-se de que sua campanha esteja em dia

O Google Shopping pode mudar todos os dias. Mesmo a cada hora, dependendo de seus concorrentes, preços e atualizações do Google.

O Google atualiza e otimiza constantemente todos os seus produtos, incluindo o Google Shopping. É por isso que é importante manter-se a par da sua campanha e aproveitar as atualizações que o Google lança para aproveitar ao máximo seus gastos com anúncios.

Como você configurou sua campanha corretamente desde o início, será mais fácil segmentar e otimizar para obter o melhor ROI possível.


Gostou desse artigo? Não esqueça de avaliá-lo!
Quer fazer parte do time de articulistas do portal, tem alguma sugestão ou crítica? Envie um e-mail para redacao@ecommercebrasil.com.br

Você recomendaria esse artigo para um amigo?

Nunca

 

Com certeza

 

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.