Fotos no e-commerce: 10 dicas para conseguir ótimas imagens

por Thiago Mazeto Quarta-feira, 12 de julho de 2017   Tempo de leitura: 3 minutos

“A primeira impressão é a que fica”. O ditado é antigo, mas é especialmente válido quando o assunto é e-commerce. Uma página com design mal pensado, afeta tanto o interesse do usuário pela marca quanto por seus produtos, o que acaba surtindo efeito contrário, levando-o diretamente para a concorrência. Por isso, é essencial pensar na arquitetura, nas cores, nas fotos, em todos os pontos de uma loja virtual.

No momento de fotografar os produtos que serão oferecidos no site, alguns fatores, como iluminação apropriada, ambiente e a disposição dos objetos em cena, podem fazer toda diferença. Como nem todos são experts no assunto, preparei dez dicas valiosas para conseguir as melhores fotos para seu e-commerce.

1- Use fundo infinito para dar destaque

Fundo infinito é aquela tela de cor única usada em estúdios fotográficos profissionais, atrás dos objetos para destacar o personagem principal ou item da cena. Você pode até providenciar um por conta própria e dar o melhor destaque.

2- Não subestime o poder do tripé e do timer

Para não tremer a imagem, nada melhor que usar um tripé. Mas a verdade é que, mesmo com essa ajuda, ainda pode acontecer uma ou outra tremidinha na hora de apertar o botão da câmera. Por isso, a melhor pedida é não usar apenas o tripé, como também apostar no timer da máquina para que não seja necessário encostar-se ao aparelho na hora de capturar a imagem.

3- Limpe o produto antes do primeiro clique

Se for tirar uma foto de um produto que está guardado há um tempinho, nada de tentar capturar a melhor imagem sem, ao menos, tirar bem o pó! Lembre-se de que o cuidado transmitido por meio das fotos é o mesmo cuidado que o cliente imagina que o e-commerce tem com o atendimento em geral. Isso pode reduzir até mesmo a taxa de rejeição da marca.

4- Aproveite a luz natural sempre que possível

Dê preferência para tirar as fotos ao ar livre. Ainda que você tenha os melhores equipamentos de iluminação do mundo, a verdade é que nada substitui a luz natural. Principalmente durante a chamada golden hour, àquela hora do dia em que o sol acentua algumas sombras e a luz ganha um tom alaranjado sensacional. Então, anote aí: o começo das manhãs e os fins de tarde são ideais!]

5- Esqueça que o flash existe

Se for tirar foto de um produto, mas acha que o ambiente está escuro demais, nada de usar o flash da câmera. Além de criar uma luz direta e dura, ele ainda pode produzir sombras, passando uma imagem amadora para os cliques. Por isso, se estiver faltando luz no local, abra uma janela, posicione algumas lâmpadas perto do objeto ou fotografe sob uma luz natural, como na dica anterior.

6- Preste bastante atenção às sombras

Quando bem trabalhadas, as sombras podem ajudar bastante a destacar um objeto em cena. Mas, de toda forma, é preciso ter cuidado. Isso porque, dependendo do tipo de luz, é bem possível que a sombra esconda algum detalhe importante. Por isso, sempre posicione a câmera para que a sombra não atrapalhe o que precisa ser mostrado na foto.

7- Entenda como usar a luz a seu favor

Luzes e sombras podem passar a ideia de profundidade. Se o produto vendido é um item grande, como um carro, talvez seja interessante entender o que precisa ficar em primeiro plano e o que pode ficar em segundo, utilizando a profundidade a seu favor. Além disso, tirar uma foto contra a luz quando não se trata de um produto para e-commerce pode gerar ótimas imagens, como aquelas silhuetas do fim da tarde. No entanto, é preciso que os interessados possam ver os detalhes do produto antes da compra. Por isso, usar o efeito neste caso não é uma boa ideia.  

8- Tenha muito cuidado com a escala

Alguns produtos podem precisar de um objeto ao lado para passar a real ideia do seu tamanho – como costuma acontecer, por exemplo, com móveis. Mas é preciso tomar alguns cuidados aqui. Se não posicionar os objetos da maneira correta, pode acabar passando a impressão errada. Por isso, evite colocar qualquer outro item em primeiro plano ou posicionar o produto muito à frente de outros objetos.

9- Venda com o máximo de naturalidade

O e-commerce vende roupas? Então, nada de tirar fotos com modelos fazendo pose. O segredo está em agir com naturalidade. A ideia é mostrar os detalhes de um produto ou apresentar como ele ficaria no comprador. Como nenhum cliente sai fazendo pose por aí no dia a dia, o ideal é apresentar modelos usando as peças com naturalidade.

10- Contrate um profissional

 

De nada adianta ter a câmera fotográfica mais cara do mercado se não há um bom olhar por trás. Nesse caso, provavelmente nada do que foi dito anteriormente resolverá. Por isso, é importante contar com o trabalho de um profissional na hora de fotografar os produtos. Dessa forma, você garante a qualidade do trabalho e não coloca as vendas em risco.

Deixe seu comentário

0 comentário

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

O projeto E-Commerce Brasil é mantido pelas empresas:

Hospedado por: Dialhost Transmissão de Webinars: Leads Qualificados: Dialhost Recrutamento & Seleção: Dialhost Métricas & Analytics: MetricasBoss People Marketing: Dialhost

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.