E-commerce responsivo: de tendência à necessidade urgente

por Galleger Ilhe Sexta-feira, 12 de junho de 2015

No último mês, o Google anunciou uma significativa mudança em seu sistema de busca: sites não adaptados à smartphones e tablets cairão no ranking de resultados. A mudança vale para buscas realizadas através dos próprios dispositivos móveis.

Sendo o Google a ferramenta de busca mais popular do mundo, esta mudança representa uma necessidade de adaptação não só importante, mas indispensável para os e-commerces que não desejam perder vendas.

Não podemos mais negar a tendência móvel. Os smartphones mudaram toda uma organização da sociedade. Conversamos através dos celulares, fazemos contas, tiramos e postamos fotos, conhecemos pessoas novas. Então, por que não também comprar pelo celular?

Ter um site interessante, chamativo, que reforce a identidade de uma marca de maneira positiva e que se adapte às necessidades do público é um requisito básico para quem quer fazer-se presente na Internet. Até mesmo os blogs tiveram de se adaptar a esta conjuntura. Foi-se o tempo em que aquele design “padrão”, que todo blog tinha, satisfazia as necessidades do público. Assim é também com qualquer e-commerce, do mais novo ao mais antigo. Estar conectado às mudanças do cenário online é vital para a sobrevivência do negócio.

Desde que os smartphones e as compras pela internet se popularizaram já era possível afirmar que estes dois fatores, mais cedo ou mais tarde, iriam se encontrar. Agora, mais do que nunca é preciso adaptar-se. Quem já mudou está um passo a frente de quem ainda não se atualizou. E em termos de e-commerce estar um passo à frente é estar muito à frente.

Ter um site compatível com as plataformas móveis significa colocar à disposição do seu cliente um site de fácil manuseio, que se adapte a tela do smartphone, informações bem colocadas e distribuídas. Ou seja, é tornar a tentativa de comprar usando o celular tão fácil quanto seria em um computador. Isso, porque a tendência é que o cliente que compra uma vez no celular e gosta da experiência volte a comprar outras vezes.

Além disso, existem pessoas que só navegam na internet usando o celular, portanto não se adaptar é perder um nicho de mercado gigantesco que só tende a se expandir.

E aí, seu site é responsivo? Você sabe o quanto? Felizmente essas não são perguntas que ficarão sem resposta. Junto com a alteração nas buscas, o Google também lançou uma ferramenta que permite a qualquer pessoa avaliar o nível de compatibilidade do seu ou mesmo de outro site. Acesse (https://www.google.com/webmasters/tools/mobile-friendly/) e descubra!

Deixe seu comentário

0 comentário

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Hospedado por: Dialhost Transmissão de Webinars: Leads Qualificados: Dialhost Recrutamento & Seleção: Dialhost Métricas & Analytics: MetricasBoss People Marketing: Dialhost

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.