Dicas que podem ajudar franqueadora e franqueados em tempos de coronavírus

por Sacha Juanuk Quarta-feira, 15 de abril de 2020   Tempo de leitura: 3 minutos

Franqueadora

Nunca houve um momento mais oportuno para pensar em estratégias omnichannel dentro das empresas. O processo e cultura de adquirir produtos pela internet acelerou quase dois anos em 20 dias.

O consumidor que usava o celular apenas para aplicativos de entretenimento descobriu que é possível comprar qualquer coisa pela web de forma segura — sim, qualquer coisa!

Somado a uma injeção de R$ 88 bilhões na economia, acreditamos que nos próximos quatro meses as vendas online devem crescer 15% além do projetado para 2020, e 25% em 2021.

Salvação omnichannel

Implementamos o modelo omnichannel na empresa há mais de três anos. Nesse momento, ele tem sido nossa saída para minimizar os prejuízos causados pela desaceleração no varejo físico, causada pelo coronavírus. Me arrisco a dizer que hoje é a nossa única saída para continuar comercializando nossos produtos e serviços.

Contratar mais profissionais de TI, logística e marketing digital foi uma ação fundamental adotada por nós em 2017 — e hoje colhemos os frutos. Ampliamos nossos contratos logísticos. Saímos das entregas apenas pelos Correios, para mais três transportadoras com competitividade nacional, entregando de forma mais rápida e barata. E continuamos investindo em políticas de frete diferenciadas.

Continuamos investindo em benefícios para consumidores fieis à marca. Em junho, inclusive, vamos lançar um clube de vantagens. Nele, colaboradores de todas as nossas indústrias e licenças terão acesso a produtos e serviços com descontos diferenciados. Afinal, empregamos indiretamente 12 mil colaboradores.

Otimizando o tempo

Aproveitamos esses dias de “baixa” para reorganizar nossas categorias de produtos do site, enriquecer produtos, revisar e otimizar o trabalho de SEO (para quem busca nossos itens online).

Atletas continuam sendo nosso maior pilar de mídia. Lançamos uma campanha #ficaemcasa com listas de vídeos, músicas, nutrição e atletas falando sobre assuntos relevantes do dia a dia.

Franqueados

Houve uma reorganização interna, e infelizmente teremos empreendedores que não irão suportar esta recessão. Porém, aqueles que integraram e digitalizaram seus processos, construíram um cadastro robusto o suficiente para ativar seus clientes de forma virtual.

Mantendo seus estoques e inventários em dia, eles serão os maiores beneficiados do projeto omnichannel. Orientamos a renegociar com os shoppings seus aluguéis e custos variáveis; verificar as carências decorrentes de tributos federais e estaduais; buscar o mar de recursos disponibilizados pelo governo federal por meio dos bancos, com carências e juros de até 0,39%.

Os lojistas que se enquadram no Simples Nacional serão os maiores beneficiados nas políticas de resgate econômico. Orientamos a não negociar carências com seus fornecedores por mais de 30 dias.

Quando o Brasil abrir novamente suas portas, iremos acordar num país cuja economia terá recebido uma injeção de R$ 88 bilhões e precisamos manter um bom relacionamento com nossos licenciados (fornecedores).

Não é o momento de ser oportunista, e sim solidário com a cadeia. Sugerimos a negociação com os colaboradores, evitando demissões. Lembre-se: colaboradores também são consumidores.

Gostou desse artigo? Não esqueça de avaliá-lo!
Quer fazer parte do time de articulistas do portal, tem alguma sugestão ou crítica?
Envie um e-mail para redacao@ecommercebrasil.com.br

Você recomendaria esse artigo para um amigo?

Nunca

 

Com certeza

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

CADASTRE-SE EM NOSSA NEWSLETTER