Mais do que fazer é preciso saber como fazer

por Fred Rocha Segunda-feira, 30 de setembro de 2013

Os consumidores estão cada dia mais mal acostumados. A busca pela conveniência e a falta de tempo tem mudado bruscamente a forma de consumo e a relação cliente – loja. As pessoas querem comprar, mas do seu jeito, no seu tempo e de forma que atenda suas condições e necessidades. Enquanto a loja física está fechada respeitando o horário comercial os demais meios não param de vender e atender a demanda do cliente que às vezes opta por realizar sua compra no domingo à noite, por exemplo, quando está em casa e com tempo para realizar pesquisas em função de preço, entrega, credibilidade, entre outros fatores que influenciam a efetivação de uma compra.

Ser multicanal tornou-se necessário e isso todo empresário já sabe. Oferecer aos novos consumidores diversos canais de atendimento é o mínimo que o cliente já espera encontrar.  E se você ainda não oferece não tenha dúvidas de que seus concorrentes já estão se emprenhando em fazer.

O que os pequenos, médios e até os grandes empresários precisam entender é como funciona este processo que é complexo e exige conhecimento especializado. O que eu tenho visto em todo o Brasil é a dificuldade em colocar em prática as ideias e conceitos que estão sendo difundidos em massa por todos. Falar sobre o potencial do multicanal, do crescimento das lojas virtuais e da utilização das redes sociais como ferramenta de venda é fácil e encantador, o difícil é fazer tudo isso funcionar da maneira certa.

Já passou da hora de mudar o discurso em relação ao e-commerce no Brasil e no mundo. Todo o empresário está cansado de saber que para manter-se no mercado hoje é preciso oferecer muito mais que simplesmente abrir as portas e esperar o cliente entrar.

O que os varejistas precisam é de orientação, não adianta querer montar uma loja virtual, criar uma página comercial no facebook, colocar conteúdo em outras redes sociais, entre outras ações se não souber como fazer. Não é preciso mais “vender” a ideia de que os empresários precisam investir em tudo isso, falta é indicar o caminho correto, orientar em relação a postagem e geração de conteúdo, a escolha da plataforma adequada, qual o melhor formato e metodologia de divulgação a ser utilizado, como chegar ao cliente e principalmente como não criar expectativas falsas.

Não existem fórmulas mágicas quando se trata de comércio e consumo, existe trabalho consciente, ações planejadas e eficientes. Evite o retrabalho e desgastes que são desnecessários. É de conhecimento e informação que os varejistas estão precisando.

Você recomendaria esse artigo para um amigo?

Nunca

 

Com certeza

Deixe seu comentário

1 comentário

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.