Acesso rápido

Como construir e registrar uma marca para o seu e-commerce

por Maxime Troubat Terça-feira, 10 de abril de 2018   Tempo de leitura: 6 minutos

A explosão do comércio online já é uma realidade. 40% dos usuários da internet no mundo todo já utilizaram a internet para comprar produtos e serviços. Neste momento, se você não tem dúvidas sobre a oportunidade de negócios que o mercado digital representa e está pronto para empreender, concentre-se na construção da sua marca.

Construir uma marca forte para o seu negócio fará sua empresa, seus produtos e serviços se destacarem. Entretanto, criar uma marca sólida e convincente em um mercado competitivo exige persistência, investimento e dedicação.

Mas você não deve apenas criar uma marca pessoal do seu comércio online e usá-la sem tomar alguns cuidados. Quando você tem uma marca de valor que se conecta de forma efetiva com seu público alvo, precisa protegê-la dos concorrentes, de terceiros e da criação de marcas similares.

Como você protege este ativo valioso? Tornando-a exclusiva, evitando que surjam outras iguais ou similares que possam prejudicar a sua imagem e, inclusive, obtendo a autorização para licenciá-la e expandir os seus negócios. Mas você só poderá explorar desta maneira se registrá-la junto ao Instituto Nacional de Propriedade Intelectual (INPI).

Então, se você realmente deseja construir uma marca de comércio online bem-sucedida e saber como protegê-la, este artigo poderá ajudá-lo.

Como criar uma marca comercial de sucesso no e-commerce?

Para começar, tente se colocar numa posição única frente ao seu público alvo e criar o seu diferencial a partir de uma análise de mercado. Você deve pesquisar os seus concorrentes, grandes e pequenos, e as lacunas que eles apresentam no “tempo e no espaço” do mercado que você visa.

Após agir como um autêntico observador, identificando problemas no “estado de ser, estar e se posicionar” da sua concorrência, parta para a ação e busque o seu posicionamento. Você precisa decidir qual será o valor da sua marca. Seus produtos e/ou serviços serão os mais sofisticados? Os mais simples e acessíveis? Os mais rápidos? O que terá mais utilidade?

Feito isto, explique para o seu público a sua narrativa, ou seja, conte a sua história ao construir a sua identidade, sua missão, valores e objetivos. Transmita isso no seu nome, no seu logotipo, no seu slogan e na identidade que você cria. Não somente no seu material corporativo, mas na postura da empresa e no modo como você se comunica.

É importante manter e usar a sua marca de forma coerente em todas as suas ações e campanhas de marketing. Construa a imagem da sua marca como se ela tivesse uma personalidade, um estilo de vida e a mensagem para transmitir. Desta forma será mais fácil ao público que você pretende atingir voltar os olhos à sua empresa e, aos poucos, criar um relacionamento efetivo e genuíno.

Sua loja online ou site, seus canais e seu posicionamento em mídias sociais devem manter-se em sintonia e consistentes.
Embora a internet tenha possibilitado criar estratégias de marketing com menos recursos financeiros, o trabalho talvez seja mais exaustivo. Ou seja, nenhuma marca se consagra sem esforço e sem uma boa experiência do usuário que se inicia na navegação do seu site, que deve ser fácil, ágil, agradável e receptiva.

Como registrar a minha marca?

Quando se tem um e-commerce ou uma loja virtual, uma marca registrada permite às empresas utilizarem de forma efetiva a internet e as mídias sociais. Se você registra a sua marca, você a protege, ou seja, ninguém mais pode tirá-la de você.

Seu nome, seu logotipo e URL precisam ser únicos. E você somente terá certeza desta exclusividade quando obter o registro de marca. Por isso, se  já criou o  nome do seu negócio ou produtos, deverá tomar as providências para registrar a sua marca.

Para registrá-la, comece fazendo um pedido junto ao INPI. E antes de investir tempo e dinheiro na construção de sua marca, certifique-se que ela pode ser registrada ou se é elegível. Para isso, consulte o manual de marcas do INPI.

Ao entrar com o pedido, o processo se inicia com o cadastro, pagamento das taxas, envio do formulário de registro, publicação do registro e acompanhamento, até obter o certificado. Se houver alguma oposição ao seu pedido, você poderá retirar a sua solicitação ou defender a sua posição. Com o registro em mãos, sua marca estará protegida por um período de 10 anos — e poderá ser renovado sucessivamente.

Qual a importância de ter uma marca registrada para o seu e-commerce?

Se você é um empresário e criou uma marca única e atraente para os seus negócios, que incorpora a sua identidade visual e sua mensagem empresarial, é importante que registre a sua marca.

O seu registro protege o seu nome e você pode explorá-lo publicamente em todos os produtos e serviços que criar e utilizá-lo como quiser. Mas os benefícios do registro de marca ainda podem ser mais vantajosos. Sua marca registrada pode agregar valor à sua empresa, como se fosse um bem móvel, o qual pode vender e licenciar.

E mesmo em tempos de crise, uma marca conhecida, com espaço e confiança conquistados, se mantém sólida. Em síntese, ao longo do tempo, se o seu e-commerce cresce, o valor da sua marca registrada também aumenta.

Você recomendaria esse artigo para um amigo?

Nunca

 

Com certeza

 

Deixe seu comentário

0 comentário

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

O projeto E-Commerce Brasil é mantido pelas empresas:

Oferecimento:
Hospedado por: Dialhost Transmissão de Webinars: Recrutamento & Seleção: Dialhost Métricas & Analytics: MetricasBoss

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.