Comércio eletrônico no Natal: 5 estratégias de precificação e marketing

por Burc Tanir Sexta-feira, 06 de dezembro de 2019   Tempo de leitura: 12 minutos

Essa é uma época de alegria e de gerar muita receita para sua loja de comércio eletrônico. Após a loucura da Black Friday e da Cyber Monday, você pode sentir que o mundo do comércio eletrônico acalma. Esse não é o caso.

De fato, mais do que nunca, as pessoas estão se preparando para gastar dinheiro até ao dia de Natal. E para você ter a oportunidade de aumentar sua receita nesse período festivo, terá de garantir que seu website e estoque estão funcionando. Além disso, você deve saber quais os melhores preços usando um software de precificação.

Na presente publicação, vamos apresentar cinco estratégias de Natal que você pode usar para garantir que, no que toca a presentes para desembrulhar, a única coisa que vai desembrulhar é lucro. Ho ho ho!

Prepare seu website

A primeira coisa que você precisa saber para se preparar para o Natal é garantir que o seu site está preparado para aguentar todo o tráfego extra.

Ainda mais, você precisa garantir que seu website tem uma aparência bonita e é fácil de navegar. Se coloque na posição dos clientes.

Quando você procura um presente para um ente querido ou amigo, você deseja visitar um website que bloqueia constantemente, que remove itens aleatoriamente da cesta, ou pior, que não deixa você finalizar a compra?

Portanto, garantir que seu website está preparado para o aumento do tráfego irá colocá-lo na frente da concorrência.

Um coisa que você pode fazer é se certificar de que o website funciona intuitivamente em celulares. Durante esta época, muitos compradores farão grande parte de suas compras através dos telefones.

Se eles tiverem de aumentar o zoom e se deslocar através do website para encontrar mais detalhes sobre os artigos que esperam comprar, é provável que eles se mudem para a concorrência.

O gráfico acima mostra o aumento do comércio eletrônico em dispositivos móveis e a sua previsão ao longo dos anos.
Isso significa que agora, mais do que nunca, é hora de preparar o seu website para se adequar aos celulares.

Você terá também de considerar a rapidez de funcionamento de seu website. Você pode usar a ferramenta própria do Google para ajudar você a saber a rapidez com que seu website carrega. Basta inserir seu URL de comércio eletrônico e obterá várias informações.

Como você pode ver, o website da Amazon é muito rápido, contudo, ainda existem alguns problemas que poderiam ser resolvidos.

Promoções de Natal

No Natal, as pessoas buscam promoções específicas. Você pode apresentar essas ofertas em sua página inicial ou você pode criar uma página nova, específica para o Natal. É isso que a Amazon faz. Eles têm um leque vasto de presentes diferentes que são adequados para seus clientes.

O benefício da Amazon e sua gama de produtos abrangente é que oferece a seus cliente a oportunidade de segmentar realmente os tipos de produtos que desejam. Por exemplo, você pode estar a pensar comprar presentes para crianças e ter um orçamento de $ 10 ou menos. Se você selecionar esse critério, você veria apenas os produtos que são mais relevantes.

Para criar promoções de Natal, você não precisa de criar uma página inteira só para os produtos, você pode criar promoções de Natal específicas. Podem se tratar de descontos ou promoções específicas.

A I want one of those usa um anúncio grande em seu website durante a época festiva. Você verá que eles ainda seguiram o espírito da marca, mas adicionaram decorações com tema de Natal. Por esse motivo, não parece estranho eles terem promoções de Natal.

Embora as pessoas pretendam gastar dinheiro durante a época festiva, elas também estão muito cientes de quando as empresas tentam ficar o seu dinheiro. Portanto, garanta que suas ofertas e promoções de Natal sejam autênticas e em linha com a sua marca.

Política de devoluções adicional

Muitas pessoas compram presentes de Natal no último momento. Também existem muitas pessoas que irão se preparar e comprar os presentes com tempo.

A maioria das empresas de comércio eletrônico têm um período de tempo definido durante o qual o cliente poderá devolver o produto. Normalmente, período é de 30 dias.

No entanto, o que acontece quando um cliente compra um produto no início de novembro, mas ele não será aberto até 25 de dezembro?

Se a pessoa que recebe o presente do cliente não gostar do artigo e tiver passado a data de devolução, ela ficará aborrecida. Portanto, pondere alargar sua política de devoluções.

Além disso, tenha em mente que as pessoas geralmente não pensam nas devoluções até pelo menos alguns dias após o término da época festiva; portanto, se você puder, alargue a política pelo maior tempo possível.

A Debenhams possui uma página específica no website que informa seus clientes de sua política de devoluções. Eles indicam claramente quando você pode começar a comprar seus produtos e quanto tempo têm para os devolver. Eles têm sido muito generosos no período de tempo que oferecem a seus clientes.

Mídia social

A mídia social é uma mina de ouro no que toca ao comércio eletrônico, mas é ainda melhor no que respeita ao comércio eletrônico no Natal.

As pessoas usam a mídia social para descobrir coisas novas, para se relacionar com amigos, mas, mais recentemente, para fazer compras nas suas marcas favoritas. Se você conseguir definir uma estratégia social adequada para o Natal, você terá uma ótima vantagem para atrair um público novo.

Todo o mundo sabe que as grandes marcas gastam milhares de dólares em seus anúncios de Natal e o resultado é que funciona. Vejamos o anúncio da John Lewis, por exemplo.

Até o momento, o anúncio foi assistido (no Youtube) mais de 11 milhões de vezes. Não estão contabilizadas as pessoas que assistiram o anúncio na TV ou o compartilharam em outras plataformas.

O fato é que, como a John Lewis sempre cria muita agitação e expectativa em torno de seu anúncio, as pessoas já esperaram proativamente pela chegada deste mesmo anúncio.

A natureza de compartilhamento das mídias sociais significa que, se você conseguir fazer a escolha certa para a sua loja de comércio eletrônico nesse Natal, então você próprio irá sair a ganhar.

Email

Você pode ter definido várias estratégias para atrair novos públicos para a sua loja durante a época festiva.
No entanto, o que você pode não perceber é que você tem uma oportunidade inexplorada bem na ponta dos dedos: nomeadamente, em sua lista de e-mails.

Sua lista de marketing por e-mail provavelmente é formada por pessoas que já compraram um produto seu. Como resultado, você pode potenciar suas vendas.

A Postable se baseia no fato de ser provável que todo o mundo receba um presente no Natal e tenta gerar vendas adicionais depois do fim do Natal.

Eles usam sua lista de email de clientes atuais para os convencer a comprar um conjunto de cartões de agradecimento para pessoas que foram atenciosas o suficiente para lhes comprar presentes. Essa abordagem funciona.

Você já é um cliente Postable e, por isso, você entende a marca, o espírito e também os preços. Além disso, você já recebeu seus presentes. Por que não comprar um conjunto de cartões para mostrar sua gratidão?

Remova obstáculos

Já referimos como é importante garantir que seu website funciona na perfeição, com rapidez e sem erros. Mas esse não é a única origem de obstáculos desnecessários.

Você também sabe que seus clientes tendem a fazer compras através do celular. Portanto, qual é uma das coisas mais frustrantes de fazer compras através do celular? Introduzir os detalhes de seu cartão, claro.

Você sabe do que estamos falando, você tenta inserir todos os seus detalhes (com precisão), só que a tela é pequena e o campo de entrada mais pequeno ainda.

Uma maneira de combater isso é permitir que as pessoas paguem pelos artigos através do telefone, por apple pay ou equivalente em Android.

Algumas pessoas já têm seus dados bancários armazenados no telefone e, portanto, efetuar um pagamento se torna tão fácil quanto tocar com o polegar na tela.

Se você for capaz de eliminar o máximo de obstáculos possível, você aumentará a chance de um cliente efetuar uma compra.

No exemplo acima, você pode ver que essa marca permite ao cliente pagar através de apple pay ou Paypal.

Dar aos clientes mais opções de pagamento aumenta as chances de sucesso. Especialmente porque, quando navegam no telefone, alguns clientes podem não ter o cartão com eles. Como resultado, eles prometem voltar mais tarde, mas todos sabemos como é fácil nos esquecermos.

Conclusões

Sua campanha de Natal é indiscutivelmente uma das partes mais importantes de toda a sua estratégia de comércio eletrônico, por isso não vale mesmo a pena deixá-la para o último minuto.

Dê tempo a você mesmo para se preparar, deixe o público emocionado com preços dinâmicos e dê a você mesmo a melhor oportunidade possível para gerar vendas. Afinal, o Natal é um momento para oferecer, certo?

Quais estratégias você irá implementar para garantir que sua loja de comércio eletrônico triunfa no Natal? Deixe um comentário abaixo.


Gostou desse artigo? Não esqueça de avaliá-lo!
Quer fazer parte do time de articulistas do portal, tem alguma sugestão ou crítica? Envie um e-mail para redacao@ecommercebrasil.com.br

Você recomendaria esse artigo para um amigo?

Nunca

 

Com certeza

 

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.