Bandeiras de cartão: conheça seu papel e as novas apostas do mercado

por Brenda Andrade Araújo Quinta-feira, 30 de março de 2017   Tempo de leitura: 3 minutos

Todo cartão de crédito precisa estar registrado a alguma bandeira. Mas afinal, você sabe qual é o papel delas e para o que elas servem?

As bandeiras são as empresas que regulam o mercado de cartões de crédito. Elas padronizam o modelo de como as adquirentes devem processar seus cartões e ainda são responsáveis pela precificação dos diferentes tipos de estabelecimento.

Fluxo de transação das bandeiras de cartão

O fluxo de transação é mais simples do que parece e funciona da seguinte forma: a bandeira recebe da adquirente a informação de captura da transação e valida o limite de crédito do portador do cartão com o banco, que por sua vez efetua a transação.

As bandeiras de cartão mais conhecidas que circulam no mercado são Mastercard, Visa, Elo, Hipercard, Diners e American Express. Elas têm bilhões de cartões de crédito aceitos globalmente e possuem cerca de 98% de Market Share no Brasil.

Novas bandeiras no mercado

Com a abertura do mercado e a quebra da exclusividade entre credenciadoras e bandeiras, criou –se oportunidades para novos entrantes no mercado. Desse modo, houve um crescente surgimento no aparecimento de bandeiras regionais no mercado. Com milhares de cartões emitidos em todo território nacional, algumas bandeiras vêm se destacando e ganhando Market Share também no e-commerce:

Além desses, outro player que vem entrando de forma agressiva no mercado brasileiro é a JCB. A bandeira japonesa com atuação global em mais de 190 países é responsável por processar mais de US$ 62.7 bilhões anualmente.

Com o mercado cada vez mais competitivo, as novas bandeiras buscam fidelizar o cliente pelos benefícios ao consumidor. Dessa maneira, bons preços e taxas menores são pontos importantes para uma tomada de decisão.

Algumas bandeiras possuem, inclusive, um fluxo de transação diferenciado, e não precisam se homologar às adquirentes. Neste caso, a bandeira se torna a intermediadora de pagamentos e repassa ao lojista o valor líquido da transação.

Cartões Private Label 

private label é outro meio de pagamento alternativo que também vem ganhando espaço no e-commerce. Ele é um cartão privado da marca, que pode ser bandeirado ou não. Esses cartões possuem autorizadores próprios, ou seja, empresas que atuam no gerenciamento de crédito do consumidor. Para o varejista, o private label é usado para fidelizar o cliente, que adquire vantagens como parcelamento e prazos flexíveis.

No Brasil, 52 milhões de brasileiros possuem cartão de crédito. Diante deste cenário e com o comércio eletrônico em constante crescimento, os lojistas têm aderido à essa tendência.

A cartela de opções está cada vez maior, assim, é de grande importância estar atento para as novidades das bandeiras que surgem e-commerce e garantir a efetividade do seu meio de pagamento.

Originalmente publicado em: https://blog.mundipagg.com/novas-bandeiras-de-cartao/

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

O projeto E-Commerce Brasil é mantido pelas empresas:

Hospedado por: Dialhost Transmissão de Webinars: Recrutamento & Seleção: Dialhost

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.