Acesso rápido

7 dicas para aumentar o tráfego no seu e-commerce

por João Paulo Arraes Terça-feira, 09 de outubro de 2018   Tempo de leitura: 6 minutos

A quantidade de e-commerces no Brasil vem crescendo cada vez mais. Segundo o Perfil do E-commerce Brasileiro 2018, com dados apresentados pela BigData Corp e Paypal, atualmente já existem mais de 675 mil lojas online somente no país. O número representa um grande crescimento comparado ao ano de 2017, quando existiam cerca de 600 mil lojas.

Falando sobre tráfego nos buscadores, pode parecer assustador se manter estável e com uma boa posição em relação ao tráfego no e-commerce. Principalmente diante dessa quantidade de concorrentes online no país. Contudo, existem atitudes essenciais que, quando colocadas em prática, tornam o e-commerce mais eficiente, garantindo o aumento do tráfego e das vendas.

1. SEO

Para que o seu e-commerce seja encontrado de forma orgânica nos buscadores, é essencial que o SEO da sua loja virtual esteja bem estruturado. Isso tanto em relação ao conteúdo, como em relação às páginas, títulos, palavras-chave e outros fatores. Investir em SEO é essencial para você, lojista, que pretende aumentar o tráfego em seu e-commerce. É por isso que o empreendimento deve possuir URLs amigáveis, palavras-chave bem específicas e imagens leves, por exemplo.

Segundo dados do primeiro semestre de 2018, apresentados pelo E-commerce Radar, o e-commerce no Brasil é bastante dependente das buscas que acontecem no Google para aquisição de clientes. De acordo a pesquisa, 60% das transações que ocorrem no meio online são feitas após uma busca no site.

Para melhorar o rankeamento da sua loja virtual, existem 5 estratégias eficientes de SEO, que precisam ser colocadas em prática.

2. Blog

Um blog com conteúdo de qualidade também é uma excelente maneira de aumentar o tráfego no e-commerce. Lembre-se, lojista, o trabalho de SEO aqui também é extremamente importante. Para isso, utilize boas palavras-chave, links internos, descrições e títulos chamativos. Só assim as pessoas encontrarão o blog do seu e-commerce.

Além disso, não se esqueça de trabalhar conteúdos realmente relevantes, que possuam relação com o segmento do seu negócio. O blog é uma ótima maneira de iniciar uma relação com consumidor, diferente da relação comercial que todos sempre esperam. Atuam na construção de credibilidade da marca e no início de um processo de conversação com o usuário e, ainda:

  • Servem como bom cartão de visita para o e-commerce;
  • Levam mais credibilidade ao e-commerce;
  • Divulgam as ações e os produtos;
  • Permitem o compartilhamento dos posts.

Confira abaixo um exemplo de blog para e-commerce:

Exemplo: Cowboy Store
Exemplo: Cowboy Store

3. Descrições

Com descrições bem detalhadas e relevantes dos produtos, o consumidor tende a passar mais tempo no e-commerce. O que, por sua vez, destaca cada vez mais a marca, melhorando também o posicionamento nos buscadores. Isso, com toda certeza, aumenta muito o tráfego. Além de contribuir para o aumento das vendas, pois os consumidores saberão que ali, encontrarão todas as informações que precisam.

4. Vídeos

Utilizar vídeos em lojas virtuais possibilita ao consumidor encontrar as informações que precisa com mais agilidade e facilidade. Além disso, torna as informações em texto mais completas e dinâmicas. Essa, então, torna-se outra excelente maneira de aumentar o tráfego no empreendimento. Afinal, os vídeos completam os conteúdos das páginas, trazendo mais relevância ao e-commerce e se destacando nos buscadores.

5. Redes sociais

Estar presente nas redes sociais é fundamental e isso já não é mais novidade, não é mesmo? Essa se torna uma excelente maneira de aumentar o tráfego no e-commerce. Além disso, as redes sociais são uma boa forma de oferecer às pessoas uma prova social, por meio das avaliações, garantindo também o aumento da taxa de conversão.

De acordo com os dados do Perfil do E-commerce Brasileiro 2018 da BigData Corp e Paypal, já citado anteriormente, a presença dos e-commerces brasileiros nas redes sociais é enorme. 71,02% das lojas virtuais estão no Facebook, 43,87% no Twitter, 31,75% no Youtube e 16,30% no Instagram. Ou seja, 80,87% dos e-commerces do país estão nesses canais de comunicação.

6. E-mail marketing

Os e-mails marketing contribuem muito para atrair mais público para o e-commerce por meio de bons descontos e conteúdos. Para que a ação seja totalmente efetiva, é importante direcionar os e-mails às pessoas que estão realmente interessadas nos produtos da sua loja virtual. Para isso, elabore uma lista qualificada de contatos e não se esqueça de oferecer boas ofertas para atender às necessidades do potencial cliente.

Confira abaixo um bom exemplo de e-mail marketing direcionado perfeitamente ao público-alvo do e-commerce:

Exemplo: Cowboy Store

7. Palavra-chave

Já sabemos que os conteúdos são fundamentais para atrair mais pessoas ao comércio eletrônico. Contudo, antes de elaborar um bom conteúdo, lembre-se que é preciso pesquisar bastante para saber quais são as palavras-chave com melhor desempenho para impulsionar o seu e-commerce nos buscadores. A partir disso, a chance do tráfego aumentar é bem grande.

Você recomendaria esse artigo para um amigo?

Nunca

 

Com certeza

 

Deixe seu comentário

0 comentário

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

O projeto E-Commerce Brasil é mantido pelas empresas:

Oferecimento:
Hospedado por: Dialhost Transmissão de Webinars: Recrutamento & Seleção: Dialhost Métricas & Analytics: MetricasBoss

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.