Acesso rápido

Confira algumas tecnologias que irão impulsionar o e-commerce em 2019

por Francisco Sales D'Almeida Quinta-feira, 06 de setembro de 2018   Tempo de leitura: 5 minutos

De acordo com o portal Statista, especializado em estatísticas do e-commerce mundial, cerca de 1,66 bilhões de pessoas realizaram compras online no ano de 2017. No mercado asiático, 46% de todas as vendas foi em um aparelho móvel. O crescimento da adoção dos dispositivos “mobile” e do uso da realidade aumentada são apenas algumas das muitas transformações em tecnologias que testemunhamos e irão acelerar em 2019.

Para permanecer competitivo neste mercado em constante evolução é importante acompanhar as tecnologias emergentes em várias partes do mundo e que serão adotadas rapidamente também em terras brasileiras.

Atualmente, realizar uma compra no mundo físico ou digital é uma experiência completamente diferente. No entanto, em um futuro próximo a tecnologia permitirá que elas se tornem muito próximas uma da outra.

Hoje, quando entramos em uma loja física, temos a presença de um vendedor que nos ajuda a localizar o produto do nosso interesse. O que vai acontecer é que as plataformas de e-commerce irão adotar assistentes virtuais para facilitar a localização desses produtos. Com apenas algumas perguntas esses assistentes nos ajudarão a localizar o produto que buscamos, simplificando o processo de decisão e consequentemente a conversão nas vendas da loja online.

A realidade aumentada (AR) e a realidade virtual são duas tecnologias que terão uma adoção crescente em 2019. O AR ajuda na decisão de compra ao criar um ambiente muito mais realístico.

A Sephora, gigante francesa dos cosméticos, já utiliza o AR para auxiliar os consumidores a escolher produtos de maquiagem ou mesmo simular por meio de fotos o “look” buscado.

A varejista de moveis IKEA é outra gigante que já utiliza o AR para criar simulações ao consumidor durante a escolha do produto que melhor se adapta ao seu ambiente. Você não precisa mais imaginar como aquele sofá da foto irá se encaixar na sua sala de estar. Agora é possível ter uma visão real.

Construir um e-commerce amigável com os dispositivos móveis é o primeiro passo para se ter sucesso no online, mas não é mais suficiente. As estatísticas mostram que 60% das pesquisas no Google já ocorrem em dispositivos móveis e que os usuários preferem pesquisar produtos e realizar compras em um App ao invés de utilizar o “mobile web”.

A indústria dos aplicativos móveis está sendo impulsionada pelo e-commerce e deverá gerar um faturamento superior a US$ 189 bilhões em 2020. 45% dos consumidores preferem plataformas de e-commerce que entregam recomendações personalizadas com base no seu hábito de compra e 56% dos compradores retornariam à uma loja que ofereça recomendações personalizadas.

A Amazon é um grande case e oferece dezenas de recomendações com base no seu histórico de compras, lista de desejos e com base na chamada “sua coleção”. Mas a personalização não para aí: muitos e-mails são enviados com base nas preferências de compra e páginas navegadas.

Alguns e-commerces brasileiros já adotam em algum grau a recomendação de produtos, tanto na loja quanto no envio de e-mails personalizados, com itens de maior relevância, como a Americanas.com e Fast Shop.

O Grupo Pão de Açúcar oferece um App para os clientes do Programa Mais e Clube Extra com recomendação de produtos e descontos personalizados com base nos hábitos de compra de cada consumidor. Por exemplo: uma mãe que tem o hábito de comprar fraldas ao consultar o App receberá ofertas tanto deste produto quanto a sugestão de outros complementares.

Com a integração entre o Machine Learning e AI (inteligência artificial), podemos prever em 2019 um crescimento no surgimento de e-commerces e Apps que ofereçam soluções de recomendações personalizadas.

Mobile, Apps, assistentes virtuais, realidade aumentada, personalização, machine learnign e AI são algumas das grandes transformações que estão surgindo no e-commerce em todo o mundo e que irão se intensificar em 2019. Precisamos ficar atentos para saber o exato momento de adotar essas tecnologias, de modo a potencializar os nossos negócios digitais.

Você recomendaria esse artigo para um amigo?

Nunca

 

Com certeza

 

Deixe seu comentário

0 comentário

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.