Acesso rápido

9 plataformas de e-commerce para montar sua loja virtual

por Filipe Salles Quarta-feira, 31 de janeiro de 2018   Tempo de leitura: 3 minutos

Se já possui alguma experiência vendendo na internet e planeja montar sua própria loja virtual, deve saber bem que o ideal é que monte sua própria página. Afinal de contas, serviços como os do Mercado Livre, eBay e aplicativos como o Enjoei cobram taxas sobre as vendas, algo que não é incômodo para quem apenas deseja se livrar de itens usados.

Mas para quem procura vender profissionalmente na internet, essas taxas acabam por obrigá-lo a vender mais caro que seus concorrentes que contam com um site próprio. Ou seja, o melhor é recorrer às plataformas de e-commerce.

Para quem está nessa fase de transição ou estudando como fazer negócios na internet, vale mencionar que existem diversas plataformas especializadas em ajudar seus usuários a montarem lojas virtuais. Esses serviços contam com milhares de modelos de sites e normalmente atendem a todo tipo de e-commerce, seja você um vendedor de produtos artesanais ou um revendedor de produtos cosméticos, entre muitos outros.

Separamos abaixo nove plataformas de e-commerce que podem ser usadas para iniciar sua empreitada no comércio digital. Todos contam com funções únicas e as mais diversas facilidades, muitos deles não necessitando ter habilidades em programação.

1. Shopify

Uma das mais populares ferramentas de e-commerce, o Shopify é conhecido pela acessibilidade e disponibilidade de modelos prontos. Ou seja, a principal vantagem do Shopify é a de permitir que monte sua loja e a configure o mais rápido possível, acelerando seu lançamento.

Além disso, o Shopify também cria lojas com design responsivo, ou seja, otimizadas para tela de smartphones, tablets e computadores. Outras vantagens incluem a possibilidade de colocar o Pixel do Facebook em suas páginas, permitindo criar públicos personalizados para usar em seus anúncios na rede social.

O Shopify funciona por assinatura e conta com um período de testes gratuitos para novos usuários. Saiba mais sobre o serviço e confira esse texto para saber como criar públicos semelhantes no Facebook de 4 diferentes maneiras!

2. Wix

Com foco em trazer excelentes vitrines para seus usuários, o Wix também é uma plataforma destinada a usuários que não possuem experiência em desenvolvimento. Vale lembrar que o Wix também é otimizado para dispositivos móveis, permitindo que sua loja seja acessada pela maioria dos dispositivos.

O Wix permite colocar o PayPal como opção de pagamento, além de cartões de crédito ou boleto bancário, sem a cobrança de comissão. Ele também conta com um sistema para gerenciamento dos pagamentos e acompanhamento de entregas. O Wix também é recomendado para quem planeja utilizar cupons de desconto, permitindo que os configure nas páginas de checkout da sua ecommerce. Conheça as funcionalidades do Wix acessando sua página.

3. Magento

Outra das plataformas de e-commerce mais populares no mundo inteiro. O Magento também possui a vantagem de possuir planos em valores mais acessíveis. Porém, sua principal vantagem está na possibilidade de utilizar diversas extensões gratuitas, criadas pela equipe por trás do serviço ou pela comunidade de usuários.

Isso faz com que o Magento seja bastante elogiado por quem deseja flexibilidade para personalizar sua loja virtual. Acesse o link para começar a testar o Magento.

4. WooCommerce

Destinado aos sites feitos na plataforma WordPress, o WooCommerce permite transformar blogs ou quaisquer tipos de sites em lojas virtuais. Isso o torna ideal para blogueiros e influenciadores digitais que pretendem lançar uma ecommerce com produtos relacionados ao seu conteúdo.

A extensão conta com diversos plugins compatíveis, permitindo adicionar mais funcionalidade à loja, como mais opções para pagamento ou plataformas de chat online para atendimento. Confira a página do WooCommerce para saber mais sobre o plugin.

5. Drupal

O Drupal é ideal para quem já possui conhecimentos em desenvolvimento e prefere economizar na assinatura. É uma ferramenta de código aberto, permitindo maior personalização na hora de montar sua loja virtual. Porém, ele não chega a ser tão complexo quanto à maioria das ferramentas que utilizam código aberto, já que seus módulos são de fácil instalação.

Vale lembrar que ele também conta com uma grande variedade de extensões e plugins, disponibilizados por sua comunidade de usuários. Aprenda mais sobre o Drupal Commerce.

imagem plataformas-de-ecommerce-drupal

6. Tray

Uma experiente empresa na área do e-commerce, o Tray já possui 15 anos de história auxiliando empresas a montarem suas lojas virtuais. A plataforma conta com planos que servem tanto a pequenas quanto grandes empresas, além de poder ser integradas aos sistemas de marketplace de grandes redes varejistas, permitindo colocar seus produtos à venda nelas.

Entre as funcionalidades, destacamos o acesso ao código-fonte, que permite fazer alterações além do editor já embutido. Também podemos destacar a variedade de modelos prontos para criar lojas que podem ser acessadas tanto pelo computador quanto pelo celular. Acesse a página do Tray para saber mais sobre o serviço, que pode ser contratado diretamente por usuários que adotarem a Locaweb como serviço de hospedagem.

7. Ezcommerce

Outra das mais populares plataformas de e-commerce no mercado. Contando com ofertas que vão de acordo às necessidades do lojista – de tal maneira que cada plano é personalizado -, o Ezcommerce não limita o acesso à sua loja nem cobra taxas por suas vendas. A principal vantagem da plataforma é a possibilidade de integração com diversos sistemas ERP, além de também permitir trabalhar no sistema de marketplace ou criar sua loja no Mercado Livre.

Alguns dos recursos disponíveis aos usuários do Ezcommerce são a grande variedade de opções para personalizar seu e-commerce, motor de busca interno que busca produtos mesmo que escritos com poucos erros e sugestões já na página inicial, evitando que o usuário tenha de navegar por mais uma página para realizar uma compra. Saiba mais sobre o Ezcommerce.

8. Vtex

A principal empresa de e-commerce na nuvem, ou seja, que oferece soluções para lojas virtuais através da tecnologia de armazenamento. Isso permite que possa acessar recursos para configurar sua loja de qualquer lugar ou aparelho.

Outra facilidade é a de integrar seu sistema de inventário, pagamentos e frete com a Vtex, já que a tecnologia permite que utilize a plataforma com outros sistemas integrados de seu negócio. E-commerces criados através da Vtex também podem contar com o sistema de SmartCheckout, possibilitando que venda em apenas um clique.

9. Nuvemshop

Hoje a Nuvemshop é apontada como a plataforma de e-commerce líder da América Latina. Revela uma tecnologia robusta e de fácil usabilidade, ideal para os PMEs. Seu time garante 99,9% de uptime durante o ano.

Dentre as diversas possibilidades que oferta, destacam-se: layouts com mais de 40 opções de personalização, associação com o Google Analytics para o acompanhamento dos KPIs do negócio e gerenciamento simplificado (como organização de produtos e categorias de maneira massiva).

Além disso, possui integração com os maiores players do mercado, especialmente nas categorias de envios (Correios, Loggi, Envio Fácil, Jadlog e Mercado Envios) e de pagamento (Wirecard, Paypal, PagSeguro, Mercado Pago etc).

Apresenta associação com ferramentas de marketing (Facebook Store e Instagram Shopping) e aplicativo para o gerenciamento da loja virtual por meio de dispositivos móveis (disponível em Android e iOS).

Por fim, na Universidade do E-commerce, oferece suporte educacional e gratuito através de cursos, artigos, e-books e vídeos sobre empreendedorismo e tendências do mercado. Para saber mais sobre a plataforma, acesse a página da Nuvemshop.

 

Conheça mais sobre plataformas de e-commerce e suas ferramentas!

Montar sua loja virtual não para apenas na escolha de uma plataforma de e-commerce. Não deixe de conferir também essa lista com as 17 melhores ferramentas de landing pages para seu negócio e os 10 melhores chats online para redes sociais!

Você recomendaria esse artigo para um amigo?

Nunca

 

Com certeza

 

Deixe seu comentário

1 comentário

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

  1. Felipe, parabéns pelo artigo. Muito esclarecedor.
    Uma duvida.
    Além da ferramenta de ecommerce, ou seja, o site em si, precisarei de outro sistema para emissão das notas fiscais, controle de estoques, financeiro, etc. Certo! Alguma indicação para quem esta comecando uma loja virtual?
    Obrigado
    Marcelo

    Responder

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.