4 dicas para otimizar sua estratégia omnichannel

por Gustavo Chapchap Segunda-feira, 23 de outubro de 2017   Tempo de leitura: 4 minutos

Para oferecer um panorama mais abrangente de ofertas ao consumidor, muitas empresas têm optado por adotar uma estratégia omnichannel. Basicamente, ela pode ser explicada como a integração dos diversos canais utilizados pelo negócio, como a loja física e a virtual.

Essa ação faz com que as diferenças sejam muito pequenas entre um canal e outro, já que eles trabalham de forma sintonizada para atingir o mesmo objetivo. Porém, somente a integração não caracteriza o omnichannel como um todo. É possível afirmar que esse processo é apenas o topo de um funil que exige toda uma mudança organizacional.

Dessa forma, é possível entender por que utilizar a estratégia omnichannel como uma aliada para gerar mais vendas. Dentre as vantagens que ela apresenta estão a maior captação de clientes e a redução do custo para esse fim, aumento da taxa de conversão e do ROI, melhor coleta de informações e um maior grau de satisfação por parte do público.

Para exemplificar melhor o uso dessa poderosa ferramenta, listamos neste artigo uma série de dicas que mostram como usufruir dos inúmeros benefícios que ela proporciona.

Acompanhe agora!

1. Conhecer o público a fundo

Saber exatamente quem é o seu público é um passo fundamental para obter êxito em qualquer estratégia. Muitas empresas falham nessa etapa por entenderem, de forma errônea, que o seu estoque diversificado exige que se “atire para todos os lados”.

A criação das chamadas “personas”, ou seja, a elaboração de um perfil ideal de consumidor, é a primeira parte para dar sequência a um processo de segmentação funcional. Em um exemplo prático do uso da estratégia omnichannel, podemos citar o cliente que se dirige a uma loja física que já tem todo o histórico de compras que ele fez no site.

Ao agir dessa forma, é possível entender melhor a necessidade dele e ajudá-lo a encontrar a solução adequada para a demanda apresentada.

2. Fazer follow up

O follow up pode ser descrito como o acompanhamento das etapas posteriores de uma ação específica, como uma campanha ou uma venda, sendo ele essencial para monitorar os resultados obtidos.

Juntando esse conceito ao apresentado no item anterior, é possível unir as informações obtidas para criar ofertas personalizadas com base nas características do consumidor.

Para transformar esse processo em algo ainda mais poderoso, o ideal é fazer uma análise profunda de toda a jornada de compra do cliente. Assim, é possível criar campanhas com maiores chances de comercialização. Isso pode ser realizado, por exemplo, por meio da oferta direta de itens complementares a um produto já adquirido por ele.

3. Sincronizar os canais

O próprio nome e a descrição inicial da estratégia já mostram que, para ela funcionar, é necessário que haja uma sincronização eficiente entre todos os canais.

Um dos pontos mais importantes atualmente é trabalhar a estratégia mobile de forma integrada com o acesso ao site, via computador. Na prática, podemos descrever a seguinte situação: imagine que o cliente X tenha acessado uma loja virtual utilizando o seu notebook e colocado determinado produto no carrinho de compras.

Por algum motivo, ele decidiu não terminar o procedimento naquele momento. Como havia um interesse grande por finalizar a compra, resolveu continuar em outro momento, mas, desta vez, utilizando o celular.

Qual não seria a decepção dele ao ver que, mesmo logando na página, o seu histórico de interesse desapareceu, o item não está mais no carrinho e ele vai ter que começar do zero?

Aqui, várias possibilidades surgem, como desistir da compra, deixar para outro momento mais uma vez ou comprar somente para aproveitar o preço. E uma coisa fica clara: a experiência não vai ser positiva, o que traz grande chance de esse cliente não voltar a comprar produtos nessa loja virtual.

Caso isso aconteça, podemos dizer que a estratégia omnichannel falhou. E essa falha é ainda mais grave por se tratar de um erro de planejamento considerado básico para colocar essa ação em prática.

4. Focar a experiência do consumidor

O exemplo anterior já deu mostras de quão importante é tornar viável para o cliente uma boa experiência. Mas como replicar isso todas as vezes? O segredo está em direcionar as ações necessárias para tornar essa possibilidade algo real em qualquer etapa do processo.

Tendo como base a importância da integração, um ponto a ser considerado é que ela não deve ficar somente no âmbito dos canais de vendas e atendimento. A empresa como um todo tem que estar integrada para que, dessa forma, seja possível alinhar todos os procedimentos necessários para melhorar a experiência do cliente.

Em muitas situações, isso pode ser um pouco complexo, pois demanda uma mudança estrutural para que as devidas ações sejam colocadas em prática. Setores como TI e marketing, que, muitas vezes, atuam de forma distante, tendem a trabalhar cada vez mais próximos dentro de uma estratégia omnichannel. E essa integração faz com que todos foquem em proporcionar uma experiência positiva ao consumidor.

A partir da construção de um modelo funcional, fica mais fácil oferecer isso em escala. Além disso, colocando essa ação em prática, o aumento das vendas virá naturalmente. Afinal, um cliente que passa por uma boa experiência pode voltar a comprar mais vezes e tende a fazer indicações sobre a loja, o que contribui para o aumento de tráfego.

É importante frisar que o quanto antes você adotar essa estratégia, maiores são as chances de se adiantar em relação aos concorrentes e conseguir uma base sólida de consumidores. Trabalhar em cima do público já existente custa menos e pode se mostrar mais eficiente na busca por alcançar os objetivos desejados.

Os números indicam que essa não é apenas uma tendência passageira, mas algo necessário para as empresas que queiram obter resultados em grande escala.

Com essas dicas, você já pode dar o primeiro passo, lembrando sempre que é possível contar com ajuda especializada para colocar todas as ações desse conjunto em prática.

Republicado com autorização do autor. Original disponível em: http://blog.jetecommerce.com.br/otimizar-estrategia-omnichannel/

Você recomendaria esse artigo para um amigo?

Nunca

 

Com certeza

Deixe seu comentário

0 comentários

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

CADASTRE-SE EM NOSSA NEWSLETTER