Acesso rápido

2ª dica para melhorar o e-commerce: marketing digital

por Fernanda Quintero Terça-feira, 01 de setembro de 2015

Sua loja física está pronta, no ar, sem nenhum impedimento, mas você não consegue fazer com que ela cresça. Expandir seu público e aumentar sua conversão de vendas está se tornando um desafio cada vez maior. Nesse momento você pode se perguntar o que fazer e a resposta é: marketing digital. Nada mais é do que fomentar e mostrar a importância da sua marca no ambiente online, para que você entenda melhor, nós decidimos enumerar algumas dicas:

1ª Aposte no uso de Inbound Marketing

O Inbound Marketing é uma maneira diferenciada de atrair o seu público, por meio de blogs, artigos, e-books, você demonstra seu conhecimento e passa a credibilidade da sua loja virtual. Por exemplo, se você tem uma loja virtual de esportes, pode abordar no blog assuntos como alimentação, estilo de vida, entre outros. O potencial cliente pode pesquisar algo sobre isso nos buscadores, por meio do SEO (Serch Engeneering Optmization) * vamos escrever um texto sobre isso* , vai acabar encontrando seu blog e por consequência sua loja.

2ª Passe credibilidade e domine o assunto

Esse ponto complementa o item anterior, mas vamos ampliar para que você entenda melhor. Quando você fala sobre o assunto esportes, por exemplo, existe uma gama imensa de opções sobre esse tema, ao escrever sobre treino para maratona por exemplo, seu potencial cliente que gosta de esportes, vai começar a olhar a sua loja como uma expert no assunto. Com isso, você vai demonstrar que entende do que está falando, consequentemente vai aumentar a sua credibilidade, esse potencial cliente vai ter a consciência de que você sabe do que está falando e que seus produtos com certeza são relevantes para ele.

3ª Canal de comunicação aberto com o cliente

Você também pode abrir um canal de comunicação mais pessoal com o cliente, por exemplo, quando ele tiver uma dúvida não precisa ligar ou mandar um e-mail, pode enviar uma mensagem no Facebook, no Twitter, no próprio site ou até sugerir posts para o blog. Quando você cria um canal aberto com os seus clientes, eles se sentem à vontade para comentar e interagir, se sentindo em “casa”. Essa estratégia de ser um canal aberto pode ser ilustrada pelo case de Sucesso das Lojas Reserva.

4ª Planeje seus custos e meça o Retorno de Investimento (ROI)

É necessário planejar com antecedência para onde você vai direcionar o seu investimento, assim não vão surgir imprevistos. Além disso, o planejamento ajuda para que seja possível medir o ROI. De nada adianta você investir em mídias sociais sem ao menos saber quanto isso traz de retorno. Medir o que funciona e não funciona, onde se deve investir mais ou investir menos, é necessário para que você entenda onde aprimorar e reformular as campanhas.

Procure iniciar esses métodos aos poucos, caso você não tenha orçamento, inicie com ações que não precisam de investimento. Leia livros sobre o assunto, recomendamos “Blogs corporativos: Modismo ou tendência?” da Carolina Frazon Terra, “Inbound Marketing” dos fundadores do Hubspot e também que você estude o case de sucesso das Lojas Reserva. Os eBooks da Resultados Digitais, também são indicados para quem está começando :: http://resultadosdigitais.com.br/

5ª Esteja nas mídias sociais

Estar em redes sociais como Facebook, Twitter, Instagram é de extrema importância. No século XXI, as pessoas passam a maior parte do tempo nesses ambientes. Não faça apenas propagandas, mas invista no relacionamento com o potencial consumidor, oferecendo conteúdos e um contato mais personalizado.

Além de todas essas medidas, o mais importante é medir todas as suas ações e para isso servem as ferramentas de monitoramento. Com elas é possível controlar os leads gerados, o retorno do investimento, os acessos, taxa de conversão, entre outros. Algumas ferramentas disponíveis no mercado são: RD Station, Hubspot que são ferramentas bastante completas; Mailchimp, para envio de e-mail marketing; Unbounce, para criação de Landing Pages, entre outras.

Leia primeiro artigo: 1ª dica para melhorar o e-commerce: comparador de preços

Você recomendaria esse artigo para um amigo?

Nunca

 

Com certeza

 

Deixe seu comentário

0 comentário

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentando como Anônimo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  Assine nossa Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Obrigado!

Você está inscrito em nossa Newsletter. Enviaremos, periodicamente, novidades e conteúdos relevantes para o seu negócio.

Não se preocupe, também detestamos spam.