Projeto mantido por:

Alavanque as vendas do seu e-commerce com marketing de conteúdo

By Jordana Hedler Tuesday, 31 de May de 2022   Read time: 16 minutes

Você utiliza marketing de conteúdo para alavancar as vendas do seu e-commerce? Se ainda não usa, este artigo é para você.

Imagine estar no meio de um vídeo superinteressante e, de repente, ele é interrompido por aquele anúncio barulhento (que você já viu umas 50 vezes). Sejamos sinceros… A raiva é tamanha que a gente acaba perdendo a paciência, não é mesmo?

Entendemos que as plataformas precisam lucrar de alguma forma. Uma das maneiras é veiculando anúncios (de todas as formas que você possa imaginar). Quando o usuário não está mais suportando tanta propaganda, ele paga pela versão “premium” do aplicativo, que irá poupá-lo do bombardeio de anúncios.

Por isso, é válido o questionamento: será que a publicidade online está resumida a anúncios intrusivos?

Vamos voltar ao vídeo superinteressante que foi interrompido pelo anúncio chato. Imaginemos que esse tal vídeo seja um tutorial de como fazer uma superreceita. Nele, a pessoa que está ensinando diz que, para o prato ficar perfeito, você deve usar a marca X… Você pode até não perceber, mas acabou de ver um anúncio – só que em um formato diferente. Como se sentirá em relação a ele? Mais receptivo, não é verdade?

Marketing de conteúdo é um universo amplo e, com certeza, ele trará bons frutos para a sua loja virtual.

Essa é a revolução do conteúdo. Se você agrega informação de grande relevância ao seu produto, como o caso do tutorial citado acima, você entrega conhecimento e proporciona uma experiência única de consumo.

As pessoas buscam por isso.

Já nascemos vendo propaganda explícita por todos os lados e aprendemos a ignorá-la, mas quando ela vem embutida em algo que nós gostamos, a recebemos de forma natural.

O conteúdo gera também um relacionamento forte com a audiência, pois se aproxima da pessoa que busca por ele. Um influenciador digital apenas tem o poder de convencer pessoas de que um determinado produto é bom, quando as pessoas sentem que podem confiar nele. Sempre digo que, na sociedade atual, as pessoas têm uma demanda muito grande por gurus.

Uma loja de brinquedos, por exemplo, pode fazer sucesso entregando conteúdo rico para seus leads e clientes nas redes sociais, WhatsApp e e-mail. Qual pai ou mãe não adoraria conhecer as melhores opções de brinquedos educativos?

Todo mundo precisa seguir alguém. Com efeito, os criadores de conteúdo são capazes de transmitir sua credibilidade e apreço para qualquer coisa que anunciarem.

Mas atenção: marketing sem estratégia não é marketing!

Entre os pequenos e médios empresários, é comum ouvir a frase: “Meu marketing eu mesmo faço”. O engraçado é que falam isso de forma altiva, com o peito inflado de orgulho.

Pensar em marketing sem estratégia é inútil. Cada post, frase ou story deve seguir uma lógica de ação, um cronograma. “Vou começar a falar disso porque mês que vem quero começar a vender aquilo”.

A construção dessa estratégia não deve caber a uma pessoa apenas, mas a um grupo de mentes pensando em prol do mesmo objetivo.

No meio publicitário, chamamos isso de brainstorm que, em tradução livre, significa tempestade de ideias. Pegamos tudo, colocamos no papel ou em alguma plataforma digital e, só a partir daí, tomamos as ações.

No entanto, não há por que entrar em pânico, você não tem que pensar em tudo sozinho. Uma boa forma de você traçar um plano de ação é estudando os casos de sucesso. Estude o seu concorrente, o que ele faz, o que come, onde vive… não há nada de errado em fazer isso.

Afinal, estamos no mundo do business.

Por que o marketing de conteúdo é importante na tomada de decisão na hora de fazer uma venda?

Uma das coisas mais interessantes no mundo do marketing é o comportamento de consumo das pessoas. Por que as pessoas compram o que compram? A resposta é simples, mas não é rasa: por dor ou vaidade. Eu explico.

Esses são sentimentos inerentes a qualquer ser humano. Estão em todos nós. Fazemos o que fazemos com base em nossos sentimentos, e os gatilhos mentais comprovam isso. É porque somos fúteis? Nada disso. É porque somos humanos.

Uma mulher que vai ao salão, a fim de se produzir, o faz ou porque se sente para baixo e feia (dor), ou porque quer estar bem perante a sociedade (vaidade).

Uma pessoa que compra um carro zero, por exemplo, pode fazê-lo ou porque já andou muito tempo a pé (dor), ou por querer estar bem na fita perante a sociedade (vaidade). Viu como as coisas vão ficando mais claras?

E sobre essa base podemos aplicar mil fenômenos. Um deles, por exemplo, é o efeito manada: “Se todos estão fazendo, eu não posso ser a pessoa que ficará de fora”. Querer pertencer a um grupo que está se dando bem (vaidade), ou não querer se sentir excluído (dor).

Você compra ovos de chocolate na Páscoa? Já pensou de onde vieram os ovos de chocolate e por que você os compra? A resposta mais simples que ouço é: porque é assim que se faz, todo mundo compra.

O marketing de conteúdo te trará clientes, mas é necessário ir além…

Para conseguir novos clientes, o impacto e a persuasão são o melhor caminho. Entretanto, o segredo para manter esses clientes está no relacionamento.

Não adianta querer mais e mais clientes, se você não toma conta dos que já possui. Se perguntarmos aos empresários se eles sabem quem foram seus clientes de um, dois ou três anos atrás, a maioria desconhece a resposta.

A realidade é que, no Brasil, pouquíssimas empresas investem em registro e manutenção de seus clientes. Impacto, persuasão e relacionamento são três pilares fundamentais para o sucesso nas vendas. Vamos conhecê-los?

Impacto

O impacto é, basicamente, o primeiro contato que as pessoas têm com a sua marca. Nas redes sociais, por exemplo, temos apenas alguns segundos para cativar a atenção das pessoas.

No entanto, o maior segredo está em conhecer bem as pessoas que você deseja impactar.

Você pode tentar atraí-las com uma linguagem genérica, mas quando sabe o que realmente mexe com o seu público, esse processo fica muito mais fácil.

Para impactar seus futuros clientes, é preciso, primeiramente, definir qual é a sua persona, ou seja, qual o perfil das pessoas que serão atingidas com sua mensagem. Depois de estabelecer esse perfil, é necessário iniciar um diálogo com base nesse filtro.

Exemplo: o perfil das pessoas que leem um livro sobre o assunto tratado aqui é de empresários de pequeno e médio porte, profissionais autônomos ou pessoas que buscam renda extra. Com base nessas características, tentarei impactar todas as pessoas através de filtros. Minha comunicação será específica, incluindo a forma como falo, o que falo e quando falo.

O impacto acontece justamente quando falamos o que as pessoas querem e precisam ouvir. Ele deve acessar os sentimentos e anseios mais profundos de um possível interessado em seu produto ou serviço.

Persuasão e relacionamento

Vamos supor que mil pessoas visitem a sua loja por mês e que, dessas mil, apenas 20 comprem. Sobram 800 pessoas interessadas. Pense comigo: o que é mais fácil? Tentar atrair outros 100 desconhecidos ou vender para 80, que já conhecem a sua loja? O segredo está aí…

Dentro das lojas virtuais, o “trackeamento” de usuários é facilmente realizado através da instalação do Pixel do Facebook e outros scripts, através do Google Tag Manager.

O que muitos não percebem é que não se trata de sempre correr atrás de novos clientes, mas sim de trabalhar com quem já está no “seu aquário”. Podemos dividir esse esquema em três partes iguais: seus clientes, pessoas interessadas e não clientes. Veja que ⅔ já estiveram em contato com sua empresa e apenas ⅓ não. A maioria se preocupa apenas com ⅓.

O marketing é um universo muito extenso, mas as pessoas sempre o reduzem a divulgar e divulgar. Há um ditado que diz que “quem não é visto não é lembrado”, e essa é uma verdade que você deveria encarar. Uma publicidade poderosa é aquela que não parece publicidade. Um simples e despretensioso “bom dia” pode ativar, na memória do seu cliente, a imagem de sua empresa e tudo o que ela representa.

Se tiver que apostar em algo, aposte em um relacionamento com belas doses de persuasão. Fazendo isso, você sempre terá clientes.

Usando marketing de conteúdo para gerar autoridade

Se você buscar em sua memória a imagem de um médico ou de um policial, o que veria? Com quase cem por cento de certeza, você imaginaria um médico vestindo um jaleco branco, com um estetoscópio pendurado no pescoço. Já o policial, alguém fardado com uma arma na cintura.

Sabe por que você pensa neles assim? A resposta é simples: porque eles se vestem de autoridade quando estão trajando seus uniformes.

Esse é exatamente o ponto em que quero chegar. As pessoas reconhecem (e respeitam) autoridades.

Se você é advogado, mas não se veste como tal, as pessoas não o verão como referência de autoridade em sua área de atuação. A forma como nos apresentamos nas redes sociais, seja com a foto do perfil ou as coisas que compartilhamos, diz muito a nosso respeito.

A tela do smartphone pode nos dar a falsa sensação de que o que publicamos está, de certa forma, restrito às pessoas que dão like. Mas não é assim. O que fazemos nas redes sociais está sob o olhar crítico de centenas ou milhares de pessoas. E, vai por mim, qualquer deslize pode ser fatal.

Você pode usar as redes sociais para compartilhar bons momentos, sem nenhum problema. Entretanto, tenha cuidado redobrado com o que diz, curte ou compartilha.

Construir um avatar (algo que tratarei mais detalhadamente no momento oportuno), é algo que nos guiará para uma boa apresentação nos meios digitais. Construa a sua autoridade!

Conclusão

Gostou deste artigo? Convidamos você a comentar a sua opinião e compartilhá-lo com outras pessoas. Marketing de conteúdo é um universo amplo e, com certeza, ele trará bons frutos para a sua loja virtual.

Leia também: Tendências de Marketing Digital para vender mais

Gostou desse artigo? Não esqueça de avaliá-lo!
Quer fazer parte do time de articulistas do portal, tem alguma sugestão ou crítica?
Envie um e-mail para redacao@ecommercebrasil.com.br

Você recomendaria esse artigo para um amigo?

Nunca

 

Com certeza

Leave your comment

0 comments

Comments

Your email address will not be published.

Commenting as Anonymous

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

CADASTRE-SE EM NOSSA NEWSLETTER