Projeto mantido por:

Tendências de SEO para e-commerce em 2022

By Felipe Bazon Monday, 11 de April de 2022   Read time: 13 minutes

Saber quais são as tendências de SEO para e-commerce é essencial para negócios que desejam ser encontrados na Internet.

Infelizmente, é comum que alguns empreendedores acreditem que basta apenas criar uma plataforma e-commerce para que as vendas aconteçam.

Pensar dessa maneira é um grande erro. Afinal, existem milhares de negócios similares na Internet, que também desejam vender. Por isso, criar um e-commerce é apenas um dos passos para, de fato, conquistar clientes.

Investir em marketing digital é essencial para empresas que querem se destacar na Internet. Porém, é complexo, sendo composto por diversas estratégias, como o SEO.

SEO, por sua vez, é uma sigla para Search Engine Optimization, que nada mais é do que a otimização para mecanismos de busca, como o Google. E essa otimização é essencial para que mais leitores encontrem a sua loja virtual, e optem por fazer negócio com você.

Saber as principais tendências de SEO para e-commerce é essencial para colocar sua loja virtual na frente, e ter mais chances diante da concorrência.

Continue a leitura e confira a lista que preparamos com dicas incríveis de SEO para e-commerce!

O que é SEO no e-commerce e por que ele é importante?

Antes de conferir quais são as principais tendências de SEO para e-commerce em 2022, é importante que esteja muito claro para você o que são as otimizações no e-commerce e qual a sua importância.

O Google, definitivamente, continua sendo o rei de todos os motores de busca. Os fatores de classificação utilizados pelo Google são semelhantes aos de seus concorrentes. No entanto, ele ocupa uma fatia enorme do mercado de pesquisa.

Para que você tenha noção dessa grandiosidade, “Google” é o termo mais buscado no Bing (outro mecanismo de busca). Dito isso, você provavelmente vai querer que o seu site seja otimizado para o Google.

A grande questão é que as pessoas estão online, fazendo pesquisas em mecanismos de pesquisa, em busca de produtos e serviços.

Quando os seus potenciais clientes procuram por produtos que atendem às necessidades que eles têm, ou seja, os produtos do seu e-commerce, eles utilizam palavras-chave relacionadas ao seu negócio.

Porém, se o seu e-commerce não for otimizado para mecanismos de pesquisa, seus potenciais clientes encontrarão os seus concorrentes nos resultados de busca, e não o seu negócio.

Claro, você pode optar por investir em tráfego pago – no caso do Google, utilizando a ferramenta Google Ads – para que as pessoas encontrem a sua empresa. Mas, no caso de SEO, estamos falando de resultados orgânicos, ou seja, não pagos.

Portanto, se você deseja que o seu público-alvo encontre o seu site nos resultados de pesquisa orgânica do Google, precisa aplicar as tendências de SEO para e-commerce.

Leia também: Como projetar aumento de vendas e receita com SEO

Tendências de SEO para e-commerce

Se você ainda não aplica as técnicas de SEO no seu e-commerce e deseja começar a sua estratégia, é fundamental que estude bastante sobre o assunto.

Hoje, nosso objetivo é falar sobre as tendências de SEO para e-commerce em 2022.

Porém, tenha em mente que a otimização para mecanismos de busca envolve diversas questões, e todas devem ser aplicadas corretamente para que a estratégia gere bons resultados.

Dito isso, aqui estão as principais dicas de SEO para e-commerce que você deve aplicar o quanto antes ainda neste ano.

1. Topical Authority

Essa é uma das principais tendências de SEO para este ano.

Embora o conceito não seja novo, essa tendência provavelmente só crescerá em 2022. Isso porque o Google cada vez mais valoriza os sites que são autoridades no mercado, ou seja, que são relevantes em determinados assuntos.

O Topical Authority tem como objetivo informar ao Google que é especialista em um determinado tópico. Isso não quer dizer que precisará apenas criar conteúdo otimizado, mas mostrar que você tem amplo conhecimento sobre a área em que atua.

Não adianta mirar em todos os tópicos que existem. O Google sabe que você não entende sobre todos os assuntos do mundo. O buscador está em busca dos especialistas.

Então, é importante que você pense em topic clusters, que são diferentes conteúdos sobre um mesmo tópico principal. Basicamente, você precisará criar um artigo central que servirá como hub para outros posts, sobre o mesmo assunto.

Reflita sobre qual é o principal assunto que está relacionado ao seu negócio. Por exemplo, vamos imaginar que você tem um e-commerce com foco na sustentabilidade.

O conteúdo “central” pode ser sobre sustentabilidade na moda. Feito isso, você poderá criar outros conteúdos satélites, por exemplo: como escolher uma marca sustentável, dicas de sustentabilidade na moda, materiais sustentáveis e assim por diante.

2. UX Writing

Se você quer gerar conversões em seu e-commerce, precisa pensar em criar conteúdo que realmente é capaz de converter os visitantes para clientes, sem deixar o SEO de lado.

O UX Writing nada mais é do que uma técnica de escrita que tem foco na experiência do usuário, bem como na persuasão com o objetivo de gerar conversões.

A escrita para a Internet como um todo precisa ser atrativa. Quando se trata de um site, é preciso que realmente chame a atenção dos usuários e leve-os a tomar uma ação.

É possível utilizar algumas técnicas para fazer isso, como o uso de gatilhos mentais e o próprio UX Writing, que deve ser aplicado pensando na conversão dos visitantes.

3. Aplicação de dados estruturados

Os dados estruturados são importantes para organizar informações e o robô do Google (Googlebot) entender os conteúdos, como:

  • Blog posts;
  • Empresas locais;
  • Produtos;
  • Eventos e assim por diante.

Com isso, o Google consegue fazer uma classificação melhor das páginas do seu site, bem como entender a relação entre elas e exibi-las nos resultados orgânicos.

No próprio suporte do Google, você encontrará diversas recomendações para uso de dados estruturados. No entanto, você pode ir muito além quando se trata de SEO.

4. Link building e digital PR

O link building é uma estratégia que está relacionada ao Topical Authority, que já citamos neste artigo. Além de criar conteúdo que gera autoridade, é importante pensar em uma estratégia de uso de links.

Isso quer dizer que você precisa encontrar parceiros – que sejam relevantes e confiáveis – que incluam links que apontem para os seus conteúdos.

Para conseguir isso de maneira eficiente, você pode contar com uma estratégia de Digital PR. Ela nada mais é do que a junção de assessoria de imprensa digital com as técnicas de link building.

Mas, então, qual é a diferença entre o PR tradicional e o digital PR? A diferença é que o digital PR não faz um press release para lançamento de produto. Em vez disso, criam-se links de um assunto que você domina e entrega-o para usuários.

5. Performance

Por fim, mas não menos importante, está a boa performance do e-commerce. Qualquer tipo de site precisa ter páginas que possuem uma boa velocidade de carregamento.

Afinal, um usuário não vai esperar muito tempo para que a página carregue. Se ele não tiver rapidamente acesso às informações que deseja, ele simplesmente sairá do seu site e não voltará.

Além disso, o seu e-commerce precisa oferecer uma ótima usabilidade. A experiência do usuário é essencial para que os visitantes do seu e-commerce decidam ficar e não queiram buscar por um de seus concorrentes.

E o Google está de olho nisso. Sites focados em UX, que realmente oferecem uma ótima experiência ao usuário, costumam ganhar um melhor posicionamento nos resultados de pesquisa.

Vale dizer que os consumidores estão cada vez mais exigentes não somente em relação à qualidade dos produtos, mas também à experiência no geral que as empresas oferecem para eles.

As tendências de SEO para e-commerce em 2022 ajudarão a posicionar sites na primeira página do Google. Claro, desde que elas sejam aplicadas corretamente.

Agora que você já sabe os principais pontos de SEO a serem aplicados em seu e-commerce, faça as otimizações e acompanhe os resultados. E, se você quiser se aprofundar ainda mais no assunto, confira o guia completo de SEO para e-commerce, com dicas mais técnicas sobre o assunto.

 

Gostou desse artigo? Não esqueça de avaliá-lo!
Quer fazer parte do time de articulistas do portal, tem alguma sugestão ou crítica?
Envie um e-mail para redacao@ecommercebrasil.com.br

Você recomendaria esse artigo para um amigo?

Nunca

 

Com certeza

Leave your comment

0 comments

Comments

Your email address will not be published.

Commenting as Anonymous

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

CADASTRE-SE EM NOSSA NEWSLETTER